Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Hi-Fi Rush e Pentiment poderão estar perto da PS5 e Switch

Sea of Thieves supostamente no final do ano.

Image credit: Tango Gameworks

De acordo com o The Verge, fontes familiarizadas com os planos da Microsoft revelaram que a empresa pretende lançar um número selecionado de jogos Xbox para as plataformas rivais. Entre os títulos previstos para serem lançados em novos hardwares estão Hi-Fi Rush e Pentiment, ambos inicialmente exclusivos para as consolas Xbox e PC.

Hi-Fi Rush tem sido alvo de inúmeras fugas de informação que sugerem a sua disponibilidade noutras plataformas. Por outro lado, Pentiment, desenvolvido pela Obsidian Entertainment, é um título relativamente menos conhecido que será supostamente lançado na PlayStation 5 e na Nintendo Switch.

Segundo a notícia, Sea of Thieves, uma popular aventura pirata multijogador, deverá seguir o exemplo e será lançado em sistemas que não sejam da Xbox no final de 2024. Enquanto outros jogos Xbox ainda estão a ser considerados para lançamento em plataformas rivais, títulos como Starfield e Indiana Jones and the Great Circle foram anteriormente alvo de rumores de potenciais versões para a PlayStation 5.

Estas informações surgem no meio da especulação em relação à evolução da estratégia da Xbox, o que levou o diretor de jogos da Microsoft a anunciar uma atualização do negócio Xbox. Agendado para 15 de fevereiro, o evento tem como objetivo abordar os rumores recentes e esclarecer os planos futuros da empresa.

A decisão de lançar exclusivos Xbox nas plataformas PlayStation e Nintendo marca um afastamento substancial da abordagem tradicional da Microsoft. Embora apresente oportunidades para expandir o alcance dos seus títulos originais e gerar receitas adicionais, também apresenta desafios e riscos para a empresa.

O negócio de jogos da Microsoft tem vindo a sofrer alterações importantes, sobretudo após a aquisição da Activision Blizzard. Com a empresa a centrar-se em plataformas de jogos mais abrangentes, incluindo os telemóveis, a introdução de jogos Xbox em consolas rivais reflete uma mudança estratégica destinada a maximizar o seu potencial de receitas de videojogos.

No entanto, subsistem dúvidas sobre as implicações a longo prazo desta mudança, incluindo o seu impacto no ecossistema de hardware da Xbox e o futuro dos títulos exclusivos. Por agora, todas as atenções estão viradas para o dia 15 de fevereiro.