Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Halo Infinite receberá battle royale em novembro, diz fonte não oficial

Terá elementos singleplayer misturados.

Halo Infinite receberá o seu modo battle royale em novembro, se tudo correr como planeado pela 343 Industrias, avançam fontes não oficiais.

Jez Corden, uma já conhecida fonte não oficial de informações sobre a Microsoft, comentou no podcast Xbox Two que já foi informado de diversos detalhes desta nova experiência que será adicionada a Halo Infinite.

Segundo diz, o modo battle royale incorporará mecânicas da campanha de Halo Infinite, como as missões opcionais, como parte de objetivos em constante evolução que encorajam os jogadores a ganhar pontos quando os completam.

Corden diz que as equipas ganham pontos ao completar objetivos e ao derrotar os outros jogadores, mas ainda não foi informado de todos os detalhes da experiência que está a ser preparada.

Apesar de indicar a sua chegada na Season 3, algures em novembro, Corden diz que poderá ser adiado e chegar em 2023, mas a previsão interna é mesmo apresentá-lo como parte do primeiro aniversário do jogo.

Há muito tempo que correm rumores de um modo battle royale para Halo Infinite desenvolvido pela Certain Affinity, um modo que terá elementos PvP e PvE, algo que vai ao encontro do que Corden ouviu agora.

"O que ouvi foi é que estão a testar, a testar algum tipo de coisa PvPvE. Não será um battle royale tradicional, não será um clone direto de PUBG, por exemplo, não será uma cópia direta. Ouvir que será por duplas e trios."

Corden diz que o habitual círculo que fica mais pequeno estará presente e serás constantemente desafiado a cumprir objetivos para ganhar mais pontos do que as outras equipas.

Corden acrescentou ainda que o battle royale de Halo Infinite está em desenvolvimento há dois anos e que um dos planos será atrair pessoas que não jogam Halo.

Sobre o Autor
Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários