Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

"Guerras de consolas são estúpidas", diz director de arte em God of War

Rafael Grasetti reage ao UE5.

A Epic Games revelou a sua tech demo do Unreal Engine 5 a correr em tempo real e a indústria não ficou indiferente.

Esta sensacional amostra do potencial da próxima geração deixou a indústria encantada e os que não estão a perder o seu tempo com guerras estão a elogiar a tecnologia e a comentar as possibilidades que trará para os videojogos.

Entre os que não conseguem perceber as guerras entre consolas e o porquê de um anúncio sobre tecnologia gerar confusões em torno da temática "eu quero comprar esta e não admito que outros pensem de forma diferente" está Rafael Grassetti.

O artista brasileiro, que trabalhou como director de arte em God of War, disponível na PlayStation 4, comentou a revelação da tech demo e das tecnologias no Unreal Engine 5, dizendo que estes avanços são bons para todos, beneficiam toda a indústria.

"O meu respeito para a equipa de arte que conseguir criar esta fidelidade para gameplay com mais de 30 horas," disse Grassetti.

"É por isso que as tecnologias e fluxos de trabalho estão a evoluir consoante as consolas ficam melhores. Existe imenso trabalho de bastidores."

"A guerra de consolas é estúpida, os jogos são o importante. O futuro parece espantoso em todas as plataformas!"

Como a recente revelação da Epic Games em colaboração com a Sony veio salientar, é que muitos não percebem o quão básicas estas palavras conseguem ser, avanços tecnológicos beneficiam toda a indústria.

Sobre o Autor
Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários