Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Google Stadia está morto

Os servidores foram desligados ontem.

O serviço Google Stadia chegou ontem ao seu último dia. A partir de hoje, quem tentar aceder ao serviço, vai deparar-se com a seguinte mensagem:

"Obrigado por jogares connosco. O Stadia foi encerrado a 18 de Janeiro, 2023."

A morte do serviço estava anunciada desde Setembro do ano passado, por ter falhado em conquistar a atenção dos jogadores.

O serviço funcionava por subscrição e dava acesso a jogos através da cloud, sem necessidade de instalação. É uma tecnologia que muitos consideram ser o futuro dos videojogos.

Com o serviço encerrado, o plano da Google é usar a tecnologia do Stadia noutras plataformas e colocá-la ao dispor de outras companhias que estejam interessadas.

A chegada da Google aos videojogos chegou a ser vista como uma série ameaça às três fabricantes de consolas - Nintendo, PlayStation e Xbox - que há muito dominam a indústria.

Tanto a PlayStation como a Xbox oferecem serviço de streaming como parte dos seus serviços de subscrição (PS Plus e Xbox Game Pass), mas ainda não são o foco.

Na nossa análise ao Google Stadia publicada em Dezembro de 2020, foi dito o seguinte:

"A tecnologia está muito mais amadurecida do que na primeira vaga. Com a chegada do 5G, o streaming pode ficar mais forte e limar as arestas que ainda estão ásperas. O principal obstáculo é a compressão de imagem, que é visível mesmo quando a tua ligação à Internet é excelente. Numa época em que as consolas já oferecem experiências a 4K e na maioria dos casos a 60 FPS, a maior dificuldade do Google Stadia é igualar esta experiência. Com base no que experimentámos, o serviço ainda tem que dar um salto maior para se tornar numa real ameaça ao gaming tradicional."

Marcado com
Sobre o Autor
Jorge Loureiro avatar

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Comentários