Days Gone Destaques

ArtigoDays Gone não é The Last of Us

Aqui estão cinco grandes diferenças.

O fim do mundo é um dos temas mais badalados da ficção, seja na literatura, cinema ou videojogos. Assim de repente, estou seguro que cada um é capaz de pensar facilmente num punhado de obras que imaginam o que acontece depois do mundo como o conhecemos terminar. Com Days Gone, a Sony Bend quer deixar a sua marca neste tema e partilhar a sua interpretação pós-apocalíptica do planeta terra. Com um tema tão explorado como este, há inevitavelmente elementos em comum com outras interpretações, mas a balança é equilibrada com um protagonista pouco usual e elementos de jogabilidade que não encontramos em outros jogos do género.

ArtigoEm Days Gone vale tudo para sobreviver - Antevisão

Acção, estratégia e actuação furtiva num cenário pós-apocalíptico.

Para o estúdio norte-americano Sony Bend Studio, o jogo Days Gone é a sua maior produção até ao momento. Embora tenha sido responsável por dois bons Uncharted para a PS VITA (Golden Abyss e Fight for Fortune) e no seu passado mais longínquo ainda desenvolvera a franquia Syphon Filter, a omissão de produções relativamente à PS3 faz deste jogo para a PlayStation 4 um título de importância capital, quanto mais não seja para a continuação de desenvolvimentos e, eventualmente, novas franquias.

ArtigoDays Gone - Jogámos o promissor jogo da Sony Bend

Não é o jogo de Zombies que pensas ser, nisso a Bend Studios tem razão.

Entre os vários títulos em desenvolvimento nos estúdios internos da Sony, Days Gone é provavelmente o nome menos sonante e o que menos entusiasmo conseguiu gerar entre os adeptos da PlayStation 4. Talvez esteja relacionado com o estatuto do estúdio que o está a desenvolver. Desde Uncharted: Golden Abyss que a Sony Bend Studios não nos dá um jogo e não estamos habituados a títulos de alto perfil deste estúdio. Talvez seja pela temática apresentada, os zombies já não estão na moda, ficaram lá atrás com os vampiros, o que poderá motivar muitos jogadores a olhar para o lado. Talvez seja mesmo a combinação destes dois factores.

ArtigoPrecisam os jogadores de um Days Gone?

Novo exclusivo da Sony é mais um jogo de Zombies.

"Não são zombies, são Freakers" - começou por explicar Ron Allen, Designer Sénior da Sony Bend, o estúdio responsável pelo novo exclusivo da Playstation 4. Boa parte da apresentação privada do jogo, a que assistimos durante a E3, foi dedicada a uma tentativa inglória - explicar porque é que este jogo é diferente de tudo o resto. Na verdade não o parece ser, mas isso não significa que não seja capaz de agradar a todo um público que ainda não se fartou de Zombies, mesmo tantos anos depois do novo despertar da temática, que inundou televisões, cinemas e videojogos.