Skip to main content

EA: Sony e Microsoft serão desafiadas na sala-de-estar

Daqui a três ou quatro anos a Apple e a Google poderão ser concorrentes sérios.

As consolas ainda dominam a sala-de-estar. O lançamento de sucesso da PlayStation 4 e Xbox One provam-no. Porém, a Electronic Arts, uma das maiores editoras de videojogos, está à espera que dentro de alguns anos haja concorrentes sérios a este domínio da Sony e Microsoft.

"Penso que daqui a três ou quatro anos, terão uma concorrência séria pela sala de estar por parte das companhias mobile, da Apple, da Google, da Roku, da Comcast, que vão tentar ser donos dessa experiência," disse Andrew Wilson, o CEO da Electronic Arts, durante a conferência Credit Suisse 2013 (via GamesIndustry).

Se estas companhias mencionadas por Wilson conseguirem, de facto, ser concorrência para a Sony e Microsoft (e Nintendo, que não foi mencionada pelo CEO), terão o apoio da Electronic Arts, que irá ao encontro das plataformas preferidas pelos jogadores. Continuando, Wilson brincou ao dizer que daqui a cinco anos a maior fonte de lucro da editora poderá ser um hológrama instalado no chão das salas-de-estar.

Wilson também não mencionou a Valve, que em 2014 passará a competir diretamente com as três companhias que dominam o mercado das consolas ao lançar as suas Steam Machines.

Lê também