Skip to main content
Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Disney+ perdeu mais de 4 milhões de subscritores

Dura é a guerra do streaming.

Image credit: Disney

A Walt Disney Co. anunciou aos seus investidores que, nos primeiros 3 meses de 2023, conseguiu reduzir em 400 milhões de dólares as despesas relacionadas com Disney+, o serviço de streaming, mas nem tudo são boas notícias.

Com um aumento no preço do Disney+ em diversos países, redução nas despesas de marketing e corte de produções, a companhia conseguiu recuperar imenso dinheiro, é uma descida de 1.1 mil milhões de dólares para 659 milhões de dólares nas despesas relacionadas com o streaming.

No entanto, a companhia perdeu mais de 4 milhões de subscritores Disney+ no início de 2023, o que coloca o número atual nos 157.8 milhões de subscritores do serviço de streaming onde podes ver filmes e séries da Marvel, Star Wars, e Disney.

A companhia diz que a maioria das perdas vieram da Índia, onde perdeu os direitos de transmissão para a Indian Cricket Premier League, mas também informa que perdeu mais de 300 mil subscritores nos Estados Unidos e Canadá, após aumentar os preços.

A Disney mantém os seus planos para consolidar serviços e unir na mesma app diversos fornecedores de conteúdos, a chegada de uma opção apoiada por publicidades ao Disney+ na Europa em 2023, e tentar obter uma fonte estável de receitas vindas das publicidades de parceiras.

Lê também