Skip to main content
Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

DICE fala das diferenças de Battlefield 3

Difícil levar qualidade gráfica PC às consolas.

A DICE disse, sem surpresa para ninguém, que até ao momento tudo o que foi mostrado do seu Battlefield 3 estava a correr no PC.

No entanto perante a pergunta de como será o jogo nas consolas, Patrick Bach, produtor executivo da DICE, disse ao site Videogamer que, "O que estamos a mostrar no PC poderá parecer melhor que nas consolas, mas o que vamos mostrar nas consolas não será pior do que qualquer outro jogo que ande por aí. Provavelmente será até melhor que todos os jogos que andem por aí nas consolas."

Bach explicou como acha que as pessoas irão reagir quando o jogo for finalmente visto na Xbox 360 e PlayStation 3.

"A maioria das pessoas serão muito positivas porque elas poderão ter receio de que o jogo não seja tão bom como os outros jogos mas ele será, e algumas pessoas, é claro, que ficarão decepcionadas por este não se parecer com a versão para PC."

Mas afinal o que é que vai faltar nas versões consola?

"A maior resolução, maior frame-rate, o anti-aliasing, o motion blur, coisas desse género. Não podemos ter a mesma qualidade nas consolas," disse Bach.

Ele explicou também a difícil posição em que está o estúdio sueco. "O problema é que se estás a definir um novo padrão estás a elevar o teu trabalho ao máximo. É claro que existe um desafio ao mostrar algo que parece incrível no PC e depois algo que parece muito bom nas consolas. Penso que o desafio é conseguir superarmo-nos a nós próprios. É claro que é difícil para nós fazermos isso devido às limitações práticas das consolas."

Como se sente a DICE perante a tecnologia de motor gráficos das suas rivais? "Existe sempre concorrência não só para construir o melhor jogo, mas também a melhor tecnologia, as melhores características," disse Bach, "e queres ser o melhor em tudo, é assim que as coisas avançam para a frente."

"Não estamos a tentar criar qualquer um dos nossos jogos antigos, e nem estamos a tentar construir qualquer um dos jogos dos nossos concorrentes: estamos a tentar construir o nosso próprio Battlefield 3."

Lê também