Rising Star critica lojas

Pela falta de atenção a novos IPs.

Martin Defries, CEO da Rising Star Games, mostrou o seu descontentamento para com as diversas lojas numa carta escrita ao site MCV, onde escreve que "conteúdos novos e variedade são mal vistos" pelos vendedores.

As grandes lojas são acusadas de deixarem de fora do mercado de Natal novos IPs e de limitarem a escolha do consumidor a sequelas genéricas e a jogos usados. Para Defries, o argumento de que os novos IPs não tem muito apelo e ainda tem provas a dar é apenas uma forma de cobrir a verdade, que as lojas apenas confiam em apostas seguras e jogos usados.

Muramasa: The Demon Blade está no centro deste descontentamento pois Defries revela que, "Aqui no Reino Unido, o jogo não vai estar disponível na maior parte das lojas."

"Evidentemente isto não é por causa da qualidade do jogo, ou porque foi adiado ou porque sofre de relação com o público antes do lançamento. É porque os vendedores estão-se a tornar cada vez mais selectivos e a reduzir activamente a variedade que é oferecida aos consumidores. Se não é first-party, uma sequela ou apoiado por publicidade de milhões de libras, simplesmente não estão interessados," escreve Defries.

Defries admite que Muramasa pode eventualmente chegar às lojas que o recusam vender, como jogo usado que é trocado por um novo lançamento.

"Quando a indústria e os seus consumidores berram por originalidade e inovação, é uma grande pena para estes fantásticos jogos japoneses que existe pouco apoio do mercado de venda para eles - e que as habituais sequelas e títulos "para mim também" seja preferidos."

Será que a indústria está a caminhar numa direcção que tanto se vê criticar? O certo, por enquanto, é que novos IPs tem grande dificuldade de triunfar e só mesmo os apoiados pelas referidas campanhas publicitárias de milhões conseguem um mínimo de possibilidade.

Salta para os comentários (3)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (3)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários