Kojima Productions nega custo de MGS4

Tal valor seria para o jogo multi.

A Kojima Productions comentou sobre a mais recente lista com os jogos mais caros de sempre, negando o custo que é atribuído ao seu jogo.

Numa mensagem via Twitterm Kenichiro Imaizumi da Kojima Productions abordou a lista dizendo que, "Recentemente nas notícias, foi escrito que o custo de desenvolvimento de MGS4 passou os 5 ou 7 biliões de ienes. Não custo tanto assim. Se tivesse custado assim tanto, teria sido multi-plataforma. Mas, claro, os dados não encaixam."

Segundo a recente lista publicada, MGS4 foi, supostamente, o sexto título mais caro até à data de produzir, tendo custado 60 milhões de dólares. No entanto, a Kojima Productions confirma agora que tal não está apurado e ao mesmo tempo nega de novo rumores sobre a saída do jogo noutras plataformas.

Salta para os comentários (15)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Atualização para Ghost of Tsushima Director's Cut

Já podes adquirir seda ao mercador no NG+.

Destroy All Humans 2 remake revelado antecipadamente pela Sony

Foi avistado algo curioso antes de desaparecer.

Diretor de Astral Chain trabalha em novo projeto

Mas ainda não está pronto para o revelar.

Marvel's Spider-Man 2 estava a correr em tempo real na PS5

Confirmado por Bryanna Lindsey da Insomniac Games.

Bayonetta 3 poderá ter uma nova voz

Atriz diz que temos de imaginar o jogo sem a sua voz.

Também no site...

PlayStation 5 CFI-1100 review: melhor ou pior do que a consola de lançamento?

O modelo revisto da Sony é tranquilizador e não controverso.

Short Games Collection chegará à Switch a 1 de Outubro e foi feita em Portugal

5 mini-jogos para quem quer diversão e tem pouco tempo.

Gran Turismo 7 usa o mesmo sistema de danos de GT Sport

Polyphony Digital confirma que usa a mesma tecnologia.

Comentários (15)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários