Análise GT5 Time Trial 720p/1080p

Digital Foundry foi dar uma volta.

É um dos download imprescindíveis deste natal. Hoje saí a nova demo de Gran Turismo 5, e aqui fica a nossa antevisão. Os tesouros de GT 5 já tinham sido colocados nas imagens a 1080p bem como no vídeo em HD que mostram a introdução, em jogo e a repetição. Agora é tempo para para colocarmos o código perante as análise de desempenho e de qualidade do DF.

Em primeiro de tudo, foi dito que esta amostra não era na verdade uma demo de GT5. Isto é verdade, no sentido que é apenas um circuito, uma volta de time trial: uma versão muito pequena, muito limitada e cortada de um jogo que promete ser um dos mais ricos em termos de conteúdo para uma consola. No entanto, as palavras que estão no ecrã confirmam - pelo menos do ponto de vista da Polyphony Digital - que é na verdade uma "demo de GT5", representativo da experiência de condução do jogo completo.

demo1
demo2
Na demo a imagem no ecrã confirma que é uma demo de GT5, embora o conteúdo e as opções estejam limitadas para o efeito do time-trial.

Em termos de especificação de processamento actuais, muito pouco mudou do código de GT5 Prologue. Limita a tua PS3 a 720p e terás uma resolução nativa com 4x multi-sampling anti-aliasing (MSAA). Coloca a 1080p, e o framebuffer fica a 1280x1080. Isto é um aumento de 50% na resolução contra o modo a 720p, com uma queda de 2x no AA. O redimensionamento do RSX presumivelmente coloca a resolução bilinear horizontal a 1920x1080, e os elementos do HUD são colocados em sobreposição em cima. Enquanto que GT5P corre os menus a uns 1080p completos, parece que esta nova demo corre o gameplay à mesma resolução que a introdução.

720p1
720p2
1080p1
1080p2
As técnicas de renderização parecem quase inalteradas face ao GT5 Prologue. As imagens de cima são o exemplo dos 720p em acção, enquanto que as de baixo mostram a 1080p.

Em termos de conteúdos, apenas temos uma pista - o circuito de corridas de Indianapolis - e um mero par de carros. Na verdade apenas um: o Nissan 370Z, em duas versões, com com especificações de corrida e o normal de estrada. As diversas opções de corrida encontradas no GT5 Prologue, onde inclui a ajuda na condução, estão inactivas para que tenhamos a certeza que todos tenham o mesmo desafio na condução. Na verdade isto é um time-trial online, e os tempos terão que ter a mesmas situações.

Para aqueles que não estejam acostumados às características de simulação de Gran Turismo, poderá tornar a condução destes dois veículos um pouco difícil de controlar. A versão de estrada de 370Z parece um caracol, enquanto que a versão de corrida seja difícil de manter a traseira direita, especialmente se estiveres condicionado nos últimos meses às opções mais arcade de condução de Forza Motorsport 3.

Portanto, em termos de coisas para processar em qualquer altura, a demo de GT5 é muito simplista: apenas um carro(dois se contares o ghost), e uma pista bastante ambiciosa. Em teoria isto seria como andar num parque para o motor de jogo de GT5 - as melhores condições para o motor brilhar. Temos aqui dois testes de desempenho. Corremos algumas voltas com a visão de dentro e fora do carro, e também corremos quer a 720p bem como a 1080p. Onde seja possível tentamos colocar o carro ghost à nossa frente para adicionar um nível extra de esforço para o motor de jogo. Em primeiro lugar o teste a 720p.

Cerca de 5% dos frames na saída a 60Hz estão partidos, com um mínimo de 52FPS de frame-rate. É interessante notar que a combinação da renderização do carro ghost e o muro em conjunto é o que traz mais impacto ao frame-rate, mas é um pouco preocupante que uma pista básica e com apenas um carro a ver que afecta o desempenho. Mudamos para os 1080p, e efectuamos o mesmo teste.

Os resultados foram basicamente os mesmos: os mesmos 52FPS como os mais baixos, embora a percentagem dos frames partidos tenha sido elevada a 12%. Em termos gerais, isto parece estar de acordo com o nível de desempenho que vimos no GT5 Prologue, em grande parte as mesmas condições. Se irá melhorar até à versão final é algo que ainda não vimos, embora tenho que salientar que a demo da gamescom que vimos no início do ano, corre de uma forma semelhante com o Prologue.

É interessante notar a aproximação por parte da Polyphony à volta do ghost. Em vez de processar o carro uma transparência, foi usada uma aproximação entrelaçada para que use menos largura de banda e fill-rate.Manter os 60FPS é um trabalho difícil e enquanto o Forza 3 seja provavelmente o melhor exemplo de um jogo diminuir as texturas alfa a um absoluto mínimo, o GT5 usa alguns truques similares para manter o frame-rate. Alpha-to-coverage (uma técnica barata em termos de transparências) é usada em ambos os jogos, embora o uso do MSAA não diminui o efeito screen-door.

Como podemos esperar por parte de um jogo da Polyphony Digital, a qualidade de imagem em termos gerais é fantástica, apesar de ser estranho que o filtro das sombras de baixa qualidade tenha um pouco de serrilhado, tendo em conta(certamente no modo a 720p), que o GT tem muito MSAA para tornar as coisas mais suaves.

Em termos de conteúdo a demo é muito limitada. É o que realmente é: um circuito para time trial. E neste respeito funciona muito bem. Correr contra a tua melhor volta pelo modo ghost é muito divertido, e ter o melhor tempo pessoal de Kazunori Yamauchi dá-nos um motivo extra de encorajamento para podermos refinar as nossas habilidades.

Publicidade

Salta para os comentários (32)

Sobre o Autor

Richard Leadbetter

Richard Leadbetter

Technology Editor, Digital Foundry

Rich has been a games journalist since the days of 16-bit and specialises in technical analysis. He's commonly known around Eurogamer as the Blacksmith of the Future.

Conteúdos relacionados

Sekiro nomeado o Jogo do Ano nos Game Awards 2019

Disco Elysium foi um dos grandes nomes da noite.

The Game Awards - Todas as novidades numa página

A Xbox Series X, os vencedores, jogos PS5 e mais.

Promoções Xbox One para os Game Awards

Os melhores jogos do ano com desconto no preço.

Forza Motorsport 8 será espantoso e diferente

Turn 10 anunciará o jogo em 2020.

Também no site...

Comentários (32)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários