FPS Boost a 120fps: Battlefield, Titanfall e Mirror's Edge Catalyst testados

Outro bónus de boas-vindas para as consolas Xbox Series.

Na semana passada, a Microsoft subiu a fasquia com a sua campanha FPS Boost, oferecendo atualizações de 120fps para 12 títulos da Electronic Arts e uma atualização extra de 60fps para outro - e é um bónus fantástico para os utilizadores de consolas Xbox Series, embora com uma ou duas advertências a que chegaremos em breve. Mas para ir direto ao assunto, cada jogo da anterior geração de Battlefield para a Xbox One corre agora a 120 fotogramas por segundo na Series X, tal como o Titanfall e a sua sequela, e isso é apenas o começo.

A lista completa de títulos suportados é reproduzida abaixo e, como pode ver, nem todos os jogos da lista recebem uma atualização se estiveres a jogar na Xbox Series S - certos jogos são apenas a 120fps na mais cara Series X. E de facto, no decurso dos nossos testes, descobrimos também o preço a pagar pela duplicação da taxa de fotogramas na máquina mais cara - as melhorias da Xbox One X (que normalmente se manifestam sob a forma de resolução mais alta) são desativadas. Assim, em essência, apesar da Series X oferecer o dobro do desempenho gráfico teórico da Xbox One X, estamos a olhar muitas vezes para reduções substanciais na resolução para fazer com que aconteça com consistência os 120 fotogramas por segundo. Quando isto acontece, o FPS Boost não é ativado por defeito - é necessário entrar no menu de compatibilidade do jogo para o ativar. Assim, talvez sabiamente, 60fps com uma resolução mais adequada a um ecrã de 4K continua a ser a norma.

A redução na resolução talvez explique o porquê da falta de apoio na Xbox Series S em alguns jogos - só podemos assumir que não sustentam 120 fotogramas por segundo quando totalmente desbloqueados com o FPS Boost, mas isto leva a algumas estranhas disparidades no suporte. Por exemplo, Titanfall 2 funciona a 120fps em ambas as consolas, Xbox Series S e X, através do FPS Boost, mas o primeiro jogo só funciona com o dobro da taxa de fotogramas na Xbox Series X.

A terceira vaga de títulos com FPS Boost concentra-se quase inteiramente nos jogos a 120fps. Tom Morgan e Rich Leadbetter discutem as suas descobertas.

Para os nossos testes, escolhemos os nossos jogos preferidos do grupo: o trio de títulos Battlefield, ambos os Titanfall como Mirror's Edge Catalyst. Battlefield 4 é um jogo interessante para começar - um título de lançamento para Xbox One e limitado a apenas 720p de resolução, com anti-aliasing pós-processo que não se aguenta bem, para dizer o mínimo. Infelizmente, o FPS Boost não pode aumentar a resolução, mas o alcance limitado do jogo garante pelo menos 120fps na Series X e na Series S, na sua maioria. O uso intensivo de efeitos de transparência pode causar algum abrandamento, o que é mais pronunciado na Series S - especialmente no multiplayer com 64 jogadores, embora tenhamos detetado alguns problemas fugazes numa campanha a 120fps praticamente sem falhas.

Torna os resultados para Battlefield 1 e Battlefield 5 ainda mais interessantes. O suporte à Series S está fora de questão, mas quer se trate de jogabilidade na campanha ou no multijogador com 64 jogadores, estes títulos correm sem falhas na Series X a 120 fotogramas por segundo bloqueados. A DICE passou para uma resolução dinâmica com estes jogos, e embora a Series X pareça tocar no codepath original da Xbox One S, obtemos pelo menos a resolução máxima ao longo de todo o jogo: medimos um consistente 972p em Battlefield 1 e 1080p (não é uma gralha) em Battlefield 5. Estas são resoluções muito mais elevadas do que as vistas na Xbox One a 60fps no passado. Continuando com títulos da DICE, MiMirror's Edge Catalyst também é encantador, com resolução a cerca de 936p e perfeitamente bloqueado a 120fps. Este nunca teve suporte Xbox One X, por isso não há aqui nenhum défice de resolução - é uma duplicação de desempenho, mas apenas para os utilizadores da Series X.

Passando aos os jogos Titanfall, o lançamento original mantém a sua apresentação original de 792p como seria de esperar, mas funciona totalmente bloqueado a 120 fotogramas por segundo. Mais uma vez, não existem aqui características da Xbox One X, pelo que não há trocas de resolução para atingir 120fps na Series X, mas a falta de suporte da Series S é um pouco um quebra-cabeças. Podemos apenas assumir que a experiência impulsionada não foi suficientemente estável para passar de nível - um pouco confuso tendo em conta que o GPU da Series S tem cerca de 2,8x o desempenho da Xbox One. Independentemente disso, o jogo corre maravilhosamente a 120 fotogramas por segundo na Series X. Sim, é um pouco datado visualmente, mas a jogabilidade continua a ser ouro sólido - e eu não tive qualquer problema em encontrar uma partida.

Jogo Xbox Series X Xbox Series S
Battlefield 1 120Hz -
Battlefield 4 120Hz 120Hz
Battlefield 5 120Hz -
Mirror's Edge Catalyst 120Hz -
PvZ: Garden Warfare 120Hz 120Hz
PvZ: Battle for Neighborville 120Hz 120Hz
PvZ: Garden Warfare 2 120Hz 120Hz
Sea of Solitude 60Hz 60Hz
Star Wars Battlefront 120Hz 120Hz
Star Wars Battlefront 2 120Hz -
Titanfall 120Hz -
Titanfall 2 120Hz 120Hz
Unravel 2 120Hz 120Hz

Titanfall 2 é talvez o melhor jogo a obter o suporte FPS Boost e que suporta tanto consolas Series X como S. A resolução foi medida na parte superior da escala DRS da Xbox One - 810p, por isso é uma grande queda na clareza em comparação com os 1512p temporariamente aumentados medidos fora do FPS Boost na Series X, mas um jogo que parecia e jogava-se maravilhosamente a 60fps é super-suave e massivamente agradável de se jogar nas consolas Xbox Series ao dobro da taxa de fotogramas. O jogo corre extremamente bem em ambas as consolas e jogar a 120fps é a norma - exceto em efeitos de transparência pesados, onde a Series S pode ceder para territórios 90-100fps. Um refresh rate variável da taxa de atualização deverá ajudar nesta situação.

So overall, it's a fascinating update from Microsoft with the latest FPS Boost titles. Targeting 120 frames per second is interesting bearing in mind the number of 120Hz-supported screens out there attached to Series X and especially Series S is likely to be limited. It's also a little disappointing to see that Series X owners need to cut down resolution quite drastically in some places to benefit from the doubling of performance but at least this does guarantee sustained performance in almost all scenarios - and the uplift to the experience in terms of fluidity and response is quite revelatory, especially for first-person shooters.

De um modo geral, é uma atualização fascinante da Microsoft com os últimos títulos do FPS Boost. Apontar 120 fotogramas por segundo é interessante, tendo em conta o elevado número de ecrãs com suporte de 120Hz ligados à Series X e especialmente à Series S, é provável que seja limitado. É também um pouco dececionante ver que os proprietários da Series X precisam de reduzir drasticamente a resolução em alguns locais para beneficiarem da duplicação do desempenho, mas pelo menos isto garante um desempenho sustentado em quase todos os cenários - e a elevação da experiência em termos de fluidez e resposta é bastante reveladora, especialmente para os shooters em primeira pessoa.

Salta para os comentários (16)

Sobre o Autor

Richard Leadbetter

Richard Leadbetter

Technology Editor, Digital Foundry  |  digitalfoundry

Rich has been a games journalist since the days of 16-bit and specialises in technical analysis. He's commonly known around Eurogamer as the Blacksmith of the Future.

Conteúdos relacionados

Back 4 Blood recebe trailer dedicado à beta

Já te inscreveste para a luta contra os Ridden?

Artigo | Battlefield Portal é uma carta de amor à comunidade

Joga BF 1942 vs Bad Company 2 vs Battlefield 3. Gostas?

Artigo | Battlefield 2042 abre um Portal temporal para o passado

BF Portal permite construir a experiência que sempre sonhaste.

Também no site...

Comentários (16)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários