O que se passa com The Witcher 3 v1.61 na PS4 Pro?

Adicionado suporte para HDR e a performance foi melhorada, mas os visuais 4K foram afectados.

The Witcher 3 da CD Projekt RED recebeu uma actualização e a versão 1.61 introduz suporte HDR na PlayStation 4 e PlayStation 4 Pro - um bónus bem-vindo para um jogo que está perto do terceiro aniversário. A chegada das melhorias PS4 Pro e Xbox One X tornou ainda melhor um jogo de 2015 nas consolas. Esta actualização HDR na PS4 devia ser a cereja no topo do bolo, mas algo não está certo - parece que a versão PS4 precisa de mais uma actualização.

Vamos ao positivo. O suporte HDR é muito positivo para as consolas PS4 e combina lindamente com a 4K checkerboard na PS4 Pro. Dá-lhe paridade com a versão Xbox One X e a nova área em Toussaint em Blood and Wine brilha em particular. O preço a pagar na Pro por esta melhoria é significativa: curiosamente, as distâncias de visão para vegetação e sombras estão claramente inferiores na 1.61 - especialmente no modo 4K. Isto gera um pop-in muito maior na relva - quase como se surgisse do chão a metros de ti, enquanto surgem mais sombras à tua frente.

No vídeo presente nesta página, verás The Witcher 3 a correr na v1.61 comparado com as capturas da v1.50 - os LODs inferiores são fáceis de ver e a comunidade reparou facilmente nisto, mas existe mais. A distância das sombras no modo 4K também foi reduzida.

Passear pelo mundo mostra que, felizmente, a maioria das coisas permanecem iguais. Mesmo caminhar por Novigrad verás que os objectos e NPCs surgem à mesma distância. O 'downgrade" não acontece em todas as definições - apenas árvores e plantas (e as sombras que geram) revelam problemas. A passagem para a nova actualização é uma espada de dois bicos: tens uma excelente implementação HDR, mas o detalhe do mundo não é o mesmo.

The Witcher 3 na versão 1.61, a correr na PlayStation 4 Pro.

Isto é muito estranho tendo em conta as informações da CDPR sobre a actualização listam suporte HDR, optimizações da performance e até pequenas melhorias visuais. Mas como já vimos no passado em The Witcher 3, é um caso de um passo em frente e um passo para trás. Infelizmente, não existe um modo a 60fps como na Xbox One X e as consolas Xbox One não são afectadas por este problema.

Porque é que isto acontece? Nada indica que o suporte HDR afecte a performance e supondo que existe uma pequena percentagem de variabilidade ao activar a HDR, não sabemos como alterar os LODs das sombras e vegetação estaria ligado a isto. Apenas como optimização do suporte HDR é exagerado para um jogo que corria bem a 30fps na v1.50, com a excepção da área Crookback Bog. Pior ainda, estas distâncias de visão inferiores na Pro acontecem mesmo sem HDR - uma boa prova que não são propositadas.

E sobre a performance melhorada? Bem, isto é verdade, mesmo em Crookback Bog. Os testes ao rácio de fotogramas no modo 4K na v1.61 está ligeiramente melhor do que na v1.50, em que o jogo não chega a 30fps, provavelmente devido às alterações nos LODs de sombras e vegetação. Também é curioso que a CDPR tenha integrado uma v-sync adaptável, comparado com a v-sync completa na primeira actualização da Pro.

PS4 Pro 1.50 4KPS4 Pro 1.61 4KPS4 Pro 1.61 1080p
A v1.61 inferioriza os LODs na vegetação e sombras - mas correr no modo 1080p corrige o problema, mas introduz uma forma mais fraca de oclusão ambiental.
PS4 Pro 1.50 4KPS4 Pro 1.61 4K
A distância de visão das sombras foi inferiorizada na v1.61 a 4K.
PS4 Pro 1.50 4KPS4 Pro 1.61 4K
Os LODs para objectos e NPCs estão iguais em locais como Novigrad - apenas se torna problemático em áreas fora das suas muralhas.
PS4 Pro 1.50 4KPS4 Pro 1.61 4K
A qualidade das texturas e resolução das sombras são idênticas.

Os efeitos da v-sync adaptável manifesta-se como tear no topo do ecrã quando o motor passa por dificuldades - isto permite ao jogo baixar a latência apresentando um novo fotograma se o tempo de renderização ultrapassar o orçamento, ao invés de esperar até 16ms por um novo refrescar do ecrã. Se isto se deve à v-sync adaptável ou às mudanças nas mudanças nas sombras e LODs, a performance nesta actualização melhora por uma margem de 2-3fps no geral. Mesmo assim, existem quedas fortes para meios 20s quando o inimigos explodem, ao jogar a 4K.

Existe ainda outro ponto nesta história. Vamos supor que já instalaste a v1.61 mas queres recuperar as definições antigas - existe uma opção para o fazer na PS4 Pro. Escolher o modo 1080p no menu da consola - sem super-sampling - dá-te de volta as distâncias de visão e são as mesmas definições visuais da v1.50, mas sem a oclusão ambiental melhorada presente no modo 4K.

A grande vantagem deste suporte 1080p é a performance sólida - mesmo Crookbag Bog corre a 30fps perfeitos, os jogadores Pro que preferem super-sampling de 4K podem aceder isto através do menu da consola. Este novo suporte 1080p corrige um problema que existia em que a performance não era tão boa como ao jogar com o modo Boost. Agora, está melhor.

Existem prós e contras nesta nova versão The Witcher 3 na PlayStation 4. A HDR é uma boa actualização, a ligeira melhoria no rácio de fotogramas é bem-vinda e apesar do suporte 1080p não se comparar ao modo 60fps que tens na Xbox One X, é uma boa opção se jogaste anteriormente com o Boost Mode e preferes uma performance estável - mas era preferível uma opção. No entanto, os cortes no modo 4K são um problema e não ficam bem numa apresentação ultra HDR. Vamo esperar que estes problemas graves sejam corrigidos.

Publicidade

Salta para os comentários (48)

Sobre o Autor

Thomas Morgan

Thomas Morgan

Senior Staff Writer, Digital Foundry

32-bit era nostalgic and gadget enthusiast Tom has been writing for Eurogamer and Digital Foundry since 2011. His favourite games include Gitaroo Man, F-Zero GX and StarCraft 2.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Microsoft Flight Simulator terá todos os aeroportos do mundo

Asobo mostra-te a impressionante forma como recriou cada um.

Especial de Friends confirmado na HBO Max

Um episódio especial de uma hora.

Gran Turismo Sport terá menos actualizações em 2020

Serão ainda mais modestas em conteúdos.

Novas imagens de Resident Evil 3 remake reveladas antes do tempo

Um novo olhar à cidade e a novos inimigos.

Comentários (48)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários