Digital Foundry - Shadow Warrior 2 está aceitável nas consolas mas faltam-lhe funcionalidades importantes

Foi-se o gameplay a 60fps, não existe suporte para a PS4 Pro e temos inferiorizações inacreditáveis.

Lançado em 2016, Shadow Warrior 2 para PC ainda é um dos jogos de acção na primeira pessoa com melhor aspecto. Com os seus lindos visuais HDR e performance super rápida, Shadow Warrior 2 representa o melhor do PC. Agora, podes jogá-lo nas consolas mas a questão - será que deves?

Estávamos ansiosos por este jogo, especialmente porque a Flying Wild Hog did esteve muito bem nas conversões do primeiro para as consolas, em 2014. Tinha os seus problemas, como screen-tearing durante combates intensos, mas conseguia visuais com a qualidade do PC e 60fps razoavelmente estáveis. Esperávamos que a sequela estivesse melhor, mas 3 anos depois, Shadow Warrior 2 parece um retrocesso.

É na mesma um jogo bonito, talvez um dos shooters com melhor aspecto no mercado, mas tem vários problemas que o impedem de alcançar todo o seu potencial. A perda mais óbvia comparado com o primeiro é o rácio de fotogramas. Com visuais tão sumptuosos, não é surpreendente que gameplay a 60fps esteja fora do baralho mas após resultados tão impressionantes em jogos como Doom ou Battlefield 1, esperávamos que fosse possível - especialmente porque durante a Gamescom 2015 o estúdio expressou o desejo de chegar aos 60fps nas consolas.

Na realidade, a versão final de Shadow Warrior 2 nas consolas corre a 30fps. Apesar disto desapontar tendo em conta o quão bom está no PC a 60fps, a implementação 30fps é competente. Praticamente não existem quedas no rácio de fotogramas na PS4 e Xbox One (onde existe um pequeno tearing), enquanto o ritmo de fotogramas é sólido. Combinado com o excelente motion blur, o jogo é suave mas tendo em conta a grande velocidade da acção, está abaixo do rapidíssimo jogo PC. Só pela performance, se o PC for opção, é a versão que recomendamos.

Análise completa às versões de consola de Shadow Warrior 2.

Existem outras omissões nas consolas que são confusas. Shadow Warrior 2 foi um dos primeiros jogos PC a oferecer suporte para HDR. É lindo - uma das melhores implementações em 2016. Parecia um dado adquirido nas consolas mas está ausente. Tendo em conta que todas as consolas excepto a Xbox One original suportam HDR, é uma desilusão.

Depois temos o suporte PS4 Pro - ou melhor, a ausência dele. Tens a mesma experiência na PS4 Pro que tens na PS4 base. Com a PS4 Pro no mercado há seis meses, parece ridículo que jogos de alto perfil como este e Prey da Bethesda cheguem sem quaisquer funcionalidades para a Pro.

Outros problemas não são tão fundamentais para a experiências, mas sente-se brusco nas arestas considerando as proezas técnicas do estúdio no passado. A disparidade na qualidade das texturas é um exemplo.

Não esperávamos que todas as texturas da melhor qualidade do PC chegassem às consolas mas a qualidade das texturas varia imenso. Numa área podes encontrar texturas altamente detalhadas no chão, tijolos lindos com mapa de oclusão em paralaxe. Depois dás meia volta e tens texturas de baixa qualidade no chão que ficam mesmo mal - algo que não acontece no PC.

PlayStation 4Xbox OnePC
A cena inicial está boa nas três plataformas mas a qualidade de imagem sofre imenso nas consolas.
PlayStation 4 Xbox One PC
A oclusão ambiental e a resolução de texturas nas consolas perdem qualidade comparado com o PC.
PlayStation 4 Xbox One PC
Os ambientes futuristas estão excelentes em todas as versões mas o PC apresenta reflexos mais nítidos e texturas mais refinadas.
PlayStation 4 Xbox One PC
No PC vês texturas de maior resolução e oclusão ambiental mais refinada. As texturas no chão nas consolas está esborratada.

Não quer dizer que as texturas sejam más no geral mas a combinação estranha entre diferentes qualidades surpreende. Também reparamos num problema com a oclusão ambiental nas consolas - é tão espessa que muitas vezes parece que existe uma nuvem negra em volta das tuas mãos. É uma escolha estranha.

A Flying Wild Hog demonstrou no passado que o seu domínio sobre a tecnologia PC e de consolas é impressionante, e recomendamos verificar o vídeo nesta página para ver o quão perto está o aspecto geral do jogo do original PC. Luxuosas áreas florestais ricas com folhagem e grande detalhe, enquanto cidades banhadas pela chuva estão repletas de reflexos screen-space e vibrantes luzes néon. O trabalho de animação no geral é excelente os modelos das armas fantásticos. O subtil blur aplicado à aresta da arma é sempre um belo toque. Existem poucas dúvidas que Shadow Warrior 2 está acima do primeiro jogo em termos visuais.

Pode não igualar bem a versão PC vista ao perto mas a sensação geral é que está perto o suficiente durante gameplay. Os sacrifícios feitos aos visuais, excepto a qualidade das texturas e oclusão ambiental, são relativamente mínimos. Em termos da resolução, é a habitual diferença 1080p/900p entre a PS4 e a Xbox One - as mesmas resoluções usadas no primeiro. Também é bom ver que o filtro anisotrópico é usado de forma razoável nas duas máquinas.

Shadow Warrior 2 chegou ao PC em Outubro de 2016 e adoramos. Eis o nosso olhar à versão PC.

Outra funcionalidade positiva que merece menção é o menu de opções. O jogo anterior foi um dos primeiros jogos a oferecer ajuste total para o campo de visão e Shadow Warrior 2 repete a façanha. Além disso, podes escolher entre efeitos gráficos como aberração cromática e motion blur - aspectos da cadência de renderização que alguns jogadores preferem desactivar. São fantásticas opções numa consola, muito boas de ter.

No final, a qualidade desta conversão depende das tuas expectativas - e do teu hardware. Se jogas numa Xbox One ou PS4 normal num ecrã 1080p, a principal queixa é o rácio de fotogramas, que pelo menos é consistente. As texturas de baixa resolução e problemas na oclusão ambiental são visíveis mas não estragam a experiência.

No entanto, se tens um ecrã 4K com HDR ou uma PS4 Pro, Shadow Warrior 2 é uma oportunidade perdida. Depois da versão PC com HDR, resolução e rácio de fotogramas superiores, parece um grande retrocesso. Vindo de um estúdio conhecido pela sua proeza técnica, é surpreendente ver que estas funcionalidades estão ausentes.

O poder adicional da PS4 Pro poderia ter sido empregue para restaurar os 60fps, mas a completa falta de suporte é surpreendente. Nada disto significa que Shadow Warrior 2 não é um bom jogo, apenas terás uma experiência muito melhor no PC - que por enquanto, permanece a melhor forma de o jogar.

Publicidade

Salta para os comentários (7)

Sobre o Autor

John Linneman

John Linneman

Staff Writer, Digital Foundry

An American living in Germany, John has been gaming and collecting games since the late 80s. His keen eye for and obsession with high frame-rates have earned him the nickname "The Human FRAPS" in some circles. He’s also responsible for the creation of DF Retro.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Metro Exodus - Quais as melhores armas do jogo?

Explicamos-te ainda como personalizar e limpar as tuas armas.

Metro Exodus - Todas as localizações dos Postais

Descobre a localização dos 21 postais em Metro Exodus.

Metro Exodus - Onde procurar todos os Diários

Onde encontrar as 71 páginas de Diário em Metro Exodus.

Comentários (7)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários