Just Cause 3 revisitado: a performance melhorou ou piorou?

Cinco actualizações depois, os resultados desiludem.

Desde o lançamento que se fala de performance desequilibrada nas versões PlayStation 4 e Xbox One de Just Cause 3. A recente actualização 1.05 permite-nos reavaliar a experiência nas consolas, olhando para os locais mais complicados e com maior foco no gameplay caótico. Todos os testes foram comparados com o jogo na v1.04 para ver se existem melhorias.

Resumindo: as piores quedas são similares às que foram registadas no lançamento, a destruição por físicas é o principal culpado. Na análise em baixo (em Lavanda na região Rocca Blau) sincroniza o movimento para uma acção autêntica e apesar do bloqueio a 30fps, temos longos períodos de 15 a 25fps assim que a acção aquece. Também já vimos cenários muito piores de outros jogadores, uma captura em particular revela performance a 0fps. Não recriámos este problema mas temos grandes quedas numa captura, que afecta o jogo nas duas consolas.

Claro que o motor está debaixo de grande esforço nestes efeitos. No entanto, a destruição é muito importante no apelo de Just Cause 3 e se este conceito básico do gameplay produz constantemente resultados como este - tão baixo quanto 15fps - entendemos a frustração das pessoas. Não existe aparente melhoria com a v1.05 e até fica pior que a v1.04 em alguns casos - mas temos que dizer que sessões idênticas com a mesma actualização pode ser um leque muito variado de resultados, tornando muito difícil testar em situações idênticas.

Um novo olhar à performance de Just Cause 3 nas consolas, agora na v1.05. Começámos com uma comparação directa na PS4 com a versão anterior para ver se existem melhorias no rácio de fotogramas.

Esta grande variedade entre sessões significa que não podemos afirmar com toda a certeza que existe uma diferença na performance entre versões. No entanto, isto aponta para outro problema; a imprevisibilidade das quedas. Uma teoria é que os elementos online têm culpa, correr as estatísticas e tentar ligar aos servidores podem sugar recursos CPU, fora do controlo do jogador. Poderia explicar as quedas no rácio de fotogramas onde não esperamos problemas.

De resto, as razões para as quedas são mais visíveis. Just Cause 3 é um dos jogos em mundo aberto com melhor aspecto nas consolas - um jogo que dá tudo o que tem com a sua fixação nas físicas e distâncias de visão incríveis. Mas não está ajustado para se encaixar nas especificações de actual geração limitadas na CPU, e aquelas vistas sugam muitos recursos nas consolas, criando uma experiência desnivelada. Pena ambas estarem assim após cinco actualizações e especialmente que cada queda ocorra quando existem os tais momentos de destruição que o gameplay tanto encoraja.

Comparando directamente a PS4 e a Xbox One, a performance está ao mesmo nível com a v1.05. Por vezes, uma é maior que a outra mas vemos o mesmo gargalo em torno de qualquer acção. Corre entre 15-25fps em cada uma durante um cerco numa pequena cidade em Lavanda, que culmina com o posto de abastecimento a explodir.

ones
O poder GPU não parece ser o problema e correr o jogo na Xbox On S - ou até na PS4 - não faz grande diferença a respeito do rácio de fotograma mais baixo registado aqui.

Um novo teste na nova Xbox One S deu-nos esperança, o seu aumento de 7.1% na velocidade da GPU poderia aliviar alguma da carga. Na verdade, não existe benefício perceptível na performance ao jogar Just Cause 3 no novo modelo. Nas mesmas condições, as mesmas quedas para 16fps vistas na original acontecem aqui nos mesmos pontos.

A Microsoft confirmou que o relógio da CPU a 1.75GHz não ficou mais rápido e é claro que o ambicioso mas integral uso das físicas Havok, IA, e animações são o principal problema - aspectos que combinam para criar uma queda agressiva.

Dificilmente a Xbox One S resolveria o problema de forma drástica mas esperávamos uma melhoria. Se existe melhoria na nova consola está bem escondida e da perspectiva do jogador, será uma experiência idêntica à da consola Xbox One original. Talvez na Xbox Scorpio e PS4 Neo o jogo possa ficar melhor, se a Avalanche preparar o jogo para as novas consolas e estas forem compatíveis com jogos já lançados.

Por enquanto, vamos esperar que o estúdio optimize Just Cause 3. Enviámos as nossas descobertas para a Square Enix e iremos actualizar o artigo se a Avalanche responder.

Publicidade

Salta para os comentários (23)

Sobre o Autor

Thomas Morgan

Thomas Morgan

Senior Staff Writer, Digital Foundry

32-bit era nostalgic and gadget enthusiast Tom has been writing for Eurogamer and Digital Foundry since 2011. His favourite games include Gitaroo Man, F-Zero GX and StarCraft 2.

Conteúdos relacionados

Revelados os jogos PS Plus de Março

Confirma-se Shadow of the Colossus e Sonic Forces.

Naughty Dog diz que Uncharted poderá voltar

A Sony dá-lhes liberdade para isso.

Project GG recebe primeiro teaser

Gigantescamente surreal.

Anime de Dragon Ball faz hoje 34 anos

O primeiro episódio foi transmitido no Japão em Fevereiro de 1986.

Também no site...

Comentários (23)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários