Modern Warfare 2

Primeiro olhar pelo modo cooperativo.

Foi com um enorme entusiasmo que aguardei pela hora de entrar na pequena sala onde Modern Warfare 2 iria ser apresentado aos jornalistas. Aguardei pacientemente à porta com mais alguns colegas de outras nacionalidades. Entrámos e lá começou a apresentação.

A pessoa encarregue da apresentação por incrível que pareça não era da Infinity War, era sim um representante da Activision que começou logo por dizer que não iria falar do modo single-player nem do modo multiplayer online. Nesta apresentação aos jornalistas apenas seria apresentado o modo cooperativo e que somente responderia a questões relacionadas com esse mesmo modo de jogo.

Dito isto, vamos lá ao que interessa, que é o modo co-op de Modern Warfare 2. Este está inserido no jogo como o terceiro modo de jogo juntamente com a campanha para um jogador e o modo multiplayer online. O modo é denominado por Spec Ops, onde temos que cumprir uma missão num determinado período de tempo. Este modo foi inspirado num nível existente em Modern Warfare, Mile-High Club, onde tínhamos que resgatar um refém.

A Infinity War ouviu os fãs e resolveu criar um modo cooperativo com as mesmas características do nível já referido. Spec Ops permite até um máximo de dois jogadores, seja online ou em split-screen. Infelizmente apenas tive a oportunidade de ver este modo de jogo com um jogador em acção. O mapa mostrado chamava-se Breach & Clear, onde tínhamos que escapar o mais rápido possível. A missão teve início com o rebentamento de uma parede, entrou-se num edifício repleto de inimigos. Ao entrar o tempo passava em câmara lenta, pelo menos inicialmente para simular o momento surpresa do nosso ataque.

1
Escudos promovem uma excelente cobertura.

Ao percorrer o interior do edifício tínhamos que eliminar todos os inimigos que iam aparecendo, dando uso a todo o arsenal que possuíamos. Inicialmente a pessoa que estava a demonstrar utilizou uma arma de assalto e de seguida algumas granadas para atordoar os inimigos. Apesar da excelente precisão com que ele jogava os adversários estavam sempre a aparecer. Um momento engraçado foi quando ele pegou num escudo protector para se proteger do fogo inimigo. Este escudo também servia para agredir os oponentes até que estes ficassem estendidos no chão.

Lamentavelmente a demonstração foi demasiado curta, fiquei bastante desiludido pois estava à espera de mais. Não quero com isto dizer que o que foi demonstrado não tivesse qualidade, apenas foi muito pouco para as expectativas criadas em redor desta apresentação aos jornalistas.

Neste modo temos três níveis de dificuldade representados por estrelas. Todas as conquistas conseguidas neste modo não serão transportadas para o modo multiplayer online, pelo menos foi essa a informação dada pelo membro da Activision que estava a fazer a apresentação.

2
Forças especiais prontas para intervir.

Este modo demonstrado estava com tudo no seu lugar. A acção era frenética e sem tempo para respirar. Tudo muito fluido e com excelentes pormenores visuais. Deu para ver que o jogo não está muito diferente do anterior em termos gráficos, notando-se que a resolução e fluidez serão as mesmas que em Modern Warfare, pelo menos no que toca às versões PS3 e Xbox 360. A versão da apresentação era para a Xbox 360, não correndo a 720p mas com 60 fps. É claro que no PC é outra conversa, nesta plataforma podemos esperar resoluções elevadíssimas e uma fluidez impressionante, pelo menos para quem possuir uma excelente máquina.

Apesar de pequena, esta demonstração deixou antever um modo de jogo muito promissor e com imenso potencial. Temos aqui uma excelente adição aos já tradicionais modos single-player e multiplayer. Os fãs podem estar descansados pois Modern Warfare 2 está no bom caminho.

Modern Warfare 2 será lançado no dia 10 de Novembro de 2009 para PS3, Xbox 360 e PC.

Salta para os comentários (30)

Sobre o Autor

Adolfo Soares

Adolfo Soares

Director

É o nosso homem do PC, por isso qualquer coisa é com ele. É também responsável pelo Eurogamer, bem como dá uma perna nas notícias.

Conteúdos relacionados

Fortnite é um pesadelo, diz José Mourinho

Os jogadores passam demasiado tempo a jogar.

Artigo | Spider-Man: Miles Morales tem algo a ensinar aos jogos em mundo aberto

Insomniac Games ressuscitou uma sensação que pensava perdida.

O que estamos a jogar - 31 de Julho

É tu, a que jogos tens dedicado o teu tempo?

Também no site...

Recomendado | Death's Door - review - The Legend of Souls

Uma cativante experiência do início ao fim.

O que estamos a jogar - 31 de Julho

É tu, a que jogos tens dedicado o teu tempo?

Fortnite é um pesadelo, diz José Mourinho

Os jogadores passam demasiado tempo a jogar.

Parte 2 de Fantasian está quase pronta

Mistwalker promete que será maior que a primeira.

Comentários (30)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários