Banjo-Kazooie: Nuts & Bolts • Página 2

De volta à oficina.

Além de Showdown Town, que serve de base inicial e ponto de ligação entre diferentes locais, podemos esperar vários “mundos” (à boa maneira dos jogos de plataformas dos anos 90). Em Nuts & Bolts estes são denominados de “Videogame Worlds”, enquanto que Showdown Town corresponde à “realidade”. Em cada um desses mundos, os diferentes personagens tomam personalidades e papeis que são próprios do local. Algo que vai de encontro ao típico humor da Rare e permitirá, é certo, situações caricatas.

gru
Grunty está de volta.

Coleccionar Jiggys continua a ser o principal meio para avançar no jogo, sendo que apanhar-los é apenas metade da tarefa. Estes devem ser trazidos de volta até o banco em Showdown Town, tarefa que se vai revelando cada vez mais difícil. Regra geral, os Jiggys são atribuídos como recompensa por ultrapassar um desafio pré-definido, seja ele chegar ao topo de uma montanha (um típico desafio de plataformas) ou ganhar uma corrida. A grande variedade de acções que os veículos permitem, em conjunção com o avançado motor de jogo (e física) dá azo a desafios originais e, o essencial, divertidos.

Explorar os mundos revela-se também algo mais simples graças ao mini-mapa que agora está presente no canto do ecrã e nos indica os veículos ou desafios mais próximos.

Já foi também revelado um dos modos multi jogador, que permite aos jogadores utilizar o que criaram no jogo numa espécie de King of the Hill, sendo de esperar o anúncio de outros modos no futuro. As funcionalidades do Live marcarão presença no modo principal de jogo, possibilitando a troca de veículos com outras pessoas (não o veículo e peças em si, mas o plano/projecto que corresponde à viatura). E Leaderboards para os resultados dos desafios incitam os jogadores a tentar construir o veículo mais apropriado para cada situação especifica e maximizar o seu desempenho.

A ajudar está um distinto estilo gráfico e direcção artística. Olhando para as escarpas e montanhas, saltam à vista placas de metal, a própria relva dá o aspecto de ter sido atada entre si enquanto que outras elevações revelam-se completamente construídas de tijolos e cimento, paisagens que, estranhamente, complementam os personagens, cujo aspecto é, no mínimo, único.

O conceito é indiscutivelmente interessante, desenvolvendo a premissa simples que popularizou Banjo & Kazooie. Resta saber se as impressões positivas se vão materializar num clássico. Banjo-Kazooie: Nuts & Bolts tem a data de lançamento marcada para o quarto trimestre deste ano, até lá, espreitem um dos vídeos do jogo.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (6)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários