Trust GXT 833 Thado review - TKL a um preço acessível

Dá uma nova imagem ao teu Setup Gaming.

Os acessórios gaming tem vindo a proliferar e as ofertas são de uma enorme gama de escolhas que por vezes deixa o consumidor com uma tarefa complicada na hora de tomar uma decisão. São imensas opções e os preços variam conforme a qualidade dos artigos. Hoje trazemos uma aposta da Trust para quem pretende adquirir um teclado compacto, com iluminação e funções adicionais. Aliado a uma estética apelativa e fundamentalmente discreta, a um preço muito tremendamente competitivo, 24,99€.

A Trust é das marcas com uma aposta forte na senda gaming, com várias ofertas para o mercado, e este teclado TKL (Tenkeyless), o Trust GXT 833 Thado, é 20 porcento mais pequeno que um teclado completo. Retira o numpad (teclado numérico) para dessa forma ocupar menos espaço na secretária. Possui uma backplate toda em metal para lhe dar firmeza e uma iluminação LED multicolor. As teclas são em membrana com uma pequena rugosidade. Tem 40 mm de altura, 359 mm de comprimento, 135 mm de profundidade e pesa um total de 709 g.

As potencialidades do formato TKL

Os teclados TKL são muito requisitados pelos jogadores PC devido a ocuparem bastante menos espaço, permitindo dessa forma uma aparência mais limpa da secretária, mas fundamentalmente para libertar espaço para o rato, que dessa forma confere maior liberdade na sua movimentação sem bater constantemente no teclado nos movimentos mais amplos durante as partidas. É aqui que entra o GXT 833 Thado, com essa característica, permite uma liberdade não conseguida com os teclados completos.

Obviamente que ao não possuir o numpad, as opções passam a ser reduzidas no momento em que pretendemos efetuar, por exemplo, contas na calculadora do computador. É aí que o numpad entra em ação ao permitir maior rapidez da execução dessa tarefa em particular. Quem está habituado à sua utilização irá notar bastante a sua falta. Mas certamente para quem procura estas soluções alternativas, um TKL, está ciente desse compromisso e aceita-o com toda a naturalidade, não o apontando como um ponto negativo, mas sim uma opção feita ao ser adquirido.

Os Materiais

A robustez do GXT 833 Thado salta logo para a primeira sensação que se tem ao ser utilizado pela primeira vez. A composição do teclado é em grande parte em plástico, com a parte traseira toda ela em metal para lhe conferir maior estabilidade, que é realmente sentida. O teclado não oscila, mesmo em sessões intensas de jogo. Essa estabilidade é importante, a Trust conferiu-lhe essa caraterística que considero fundamental. Ainda na parte da backplate, esta não possui ajuste em altura, apenas uma barra na parte superior que lhe dá uma ligeira inclinação para uma ergonomia não ajustável, que pode ser um entrave se pretenderam alterar o angulo de inclinação. Pessoalmente não senti essa necessidade.

Na parte frontal, onde se situam as teclas, é tudo concebido em plástico. A qualidade não é a melhor, nota-se ao toque que é um material de qualidade inferior, mas cumpre com o propósito. Outra configuração estética peculiar, é a do Mostrador que nos indica se determinada função está selecionada, como por exemplo o bloqueio da tecla Windows. O Mostrador foi concebido de uma forma algo estranha, como se de uma tecla se tratasse. É um retângulo na parte direita do teclado bastante intrusivo a nível estético e que retira ao GXT 833 Thado alguma elegância. Esta opção estética deveria ter sido concebida de forma mais discreta para não se torna em certa medida num foco de atenção desnecessário.

20211018_101012

As teclas em Membrana

Sabemos que um teclado mecânico possui outros custos, por norma, sendo aqui que entra a opção da Trust por teclas de membrana. As sensações são mistas, apesar da sua boa sensação auditiva, não consigo ultrapassar a sensibilidade tátil que transmitem, devido em parte à sua rugosidade algo abrasiva. O plástico que as compõe não transmite as melhores sensações nos dedos, com uma superfície em mate que inicialmente é um pouco incomodativa. Após uma utilização contínua estas sensações vão melhorando, que é um bom sinal. Também notei algum desconforto em prolongados períodos de escrita, não sendo ideal para esse propósito.

Uma suposta vantagem destas teclas prende-se com o som que estas reproduzem ao serem pressionadas. Por norma a composição destas teclas em membrana são mais silenciosas, mas aqui não estamos perante um teclado que é propriamente silencioso, se é isso que procuram o GXT 833 Thado não é a solução. Estas teclas foram concebidas para uma aproximação sonora aos teclados mecânicos, que me agrada particularmente. Se pretendemos algo mais silencioso existem outras opções no mercado para esse efeito. Após um mês de utilização, denotei uma alteração com o som da barra de espaço, começou a fazer um som agudo algo irritante quando pressionada na sua parte esquerda. Tirando esse pormenor, após esse período de utilização todas as outras teclas estão no seu estado original.

Iluminação Multicolor limitada em opções

A inclusão de uma solução luminosa é bem-vinda, confere uma estética decididamente gaming e que fica bem em qualquer setup. Obviamente que existem compromissos, para um artigo deste preço não podemos exigir muito. As opções são poucas, as teclas possuem uma iluminação fixa, não se pode alterar a sua cor. Está apenas ao nosso alcance a intensidade e alguns efeitos luminosos, nada de muito complexo. Não existe software para o teclado, e nada pode ser configurado fora dos atalhos físicos.

Apesar de ser uma adição interessante e quase obrigatória para um teclado gaming, esta possui pontos que não estão a um nível de qualidade superior. Temos teclas com falta de intensidade luminosa mesmo no máximo, falta de uniformidade, e também outras que evidenciam pequenos defeitos nas próprias letras. Mas estas lacunas são completamente aceitáveis para o preço pedido. Por 24,99€ não somos capazes de exigir muito mais do que a Trust conseguiu aqui.

20211018_121716

Por 24,99€, o Trust GXT 833 Thado é uma boa escolha

O Trust GXT 833 Thado é um teclado que está obviamente indicado para alguém que procura algo dedicado ao segmento gaming e, sobretudo, que não queira gastar muito dinheiro. O preço conseguido pela Trust é muito competitivo, onde a qualidade é aceitável com uma oferta de opções de iluminação e atalhos nas teclas para funções importantes como o controlo do som. Se pretendes um teclado para completar o teu setup gaming e dar uma beleza adicional, o GXT 833 Thado é uma opção a ter em conta.

Prós: Contras:
  • Efeitos luminosos multicolor
  • Formato TKL ideal para jogar
  • Liberta espaço na secretária
  • Parte traseira em metal
  • Preço muito competitivo
  • Materiais em plástico de menor qualidade
  • Eliminação limitadas a poucos efeitos
  • Algumas imperfeições na uniformidade da iluminação
  • Inexistência de software

Lê o nosso Sistema de Pontuação

Salta para os comentários (0)

Sobre o Autor

Adolfo Soares

Adolfo Soares

Director

É o nosso homem do PC, por isso qualquer coisa é com ele. É também responsável pelo Eurogamer, bem como dá uma perna nas notícias.

Conteúdos relacionados

Razer Iskur review - Não é uma cadeira, é um trono

A melhor cadeira que já experimentámos.

Razer Kaira X review - Mais uma opção de headset para a PS5

Mas será que é melhor do que a concorrência?

Nintendo Switch OLED review - Melhor em quase tudo

O upgrade que tanto queríamos tornou-se realidade.

Google Stadia review - Chegou hoje a Portugal, mas será que vale a pena?

Testámos o serviço da Google em várias condições.

PlayStation 5 review - Uma consola premium

Sony entrega uma verdadeira experiência de próxima geração.

Também no site...

Cristiano Ronaldo eleito como um dos melhores da Champions em FUT22

Os melhores da Fase de Grupos chegam ao jogo.

Rumor: Sony vai juntar PS Plus e Now para criar novos patamares do serviço

Acesso a demos, jogos PS4, PS5 e streaming de clássicos.

GRID Legends recebe trailer e data para fevereiro

Modo história mistura realidade e virtual para maior emoção.

League of Legends: Wild Rift é o jogo iPhone do ano

Apple destaca os melhores jogos do ano.

Comentários (0)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários