Twitch admite que precisa fazer mais contra o assédio e toxicidade

Promete fazê-lo.

Os responsáveis pela Twitch admitiram que precisam fazer mais para combater o assédio e toxicidade na plataforma de streaming.

Numa série de mensagens partilhadas nas redes sociais, a companhia confessa que existe imensa conversa em torno das diversas formas de assédio que procuram marginalizar criadores, algo que merece uma melhor resposta.

"Vimos imensa conversa sobre botting, raids de ódio e outras formas de assédio contra criadores marginalizados. Pediram-nos para fazer melhor e sabemos que precisamos fazer mais para resolver estes problemas. Isso inclui um diálogo contínuo e aberto sobre a segurança dos criadores."

"Obrigado a todos os que partilharam estas experiências difíceis. Fomos capazes de identificar uma vulnerabilidade nos nossos filtros e apresentamos uma atualização para fechar esta falha e detetar melhor o discurso de ódio. Continuaremos a atualizar isto para corrigir problemas emergentes."

A Tiwtch disse ainda que vai lançar um sistema para detetar evasões a sanções ou expulsões de canais específicos, juntamente com melhorias no processo de verificação de contas. Assim que estiverem prontas serão lançadas e espera criar um grande impacto.

"O nosso trabalho nunca termina e o vosso feedback é essencial consoante tentamos criar uma Twitch mais segura. Vamos contactar os membros da nossa comunidade para aprender mais sobre as suas experiências e encorajar-te a partilhar a tua opinião através da UserVoice."

Sentes que a toxicidade e assédio na Twitch está a crescer?

Salta para os comentários (18)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (18)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários