Banidas mais 50 mil contas de Call of Duty: Warzone

O alvo foram os repetentes.

A Activision continua com os seus esforços para combater os batoteiros em Call of Duty: Warzone.

O popular battle royale gratuito já é conhecido por atrair batoteiros que criam novas contas para continuar a arruinar a experiência aos outros jogadores e foram esses casos o alvo especial da companhia.

Nesta mais recente vaga, foram banidas mais de 50 mil contas e muitas delas pertenciam a jogadores que já tinham sido banidos por batotas e decidiram criar novas contas.

Desde o lançamento em Março de 2020, os estúdios da Activision já baniram mais de 500 mil contas e a companhia diz que dedica esforços todos os dias da semana e durante todo o dia para apanhar batotas.

Miras automáticas, ver pelas paredes, piratear estatísticas e outros programas que manipulam os dados do jogo são usados como batotas para dar uma vantagem injusta a quem paga por elas.

Salta para os comentários (2)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (2)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários