Criança de 5 anos termina Bloodborne, pai aproveita para criticar jornalistas

Pai do ano?

Um rapaz de 5 anos chamado Ezra conseguiu chegar ao fim de Bloodborne, o exclusivo PS4 conhecido pela sua elevada dificuldade.

RobbieFox, o pai de Ezra, não tardou para se vangloriar no Twitter do feito do seu filho, aproveitando também a ocasião para criticar os jornalistas de videojogos que apontam a elevada dificuldade como um ponto negativo.

"O Ezra venceu oficialmente Bloodborne. Não quero ouvir mais sobre jornalistas de videojogos ou escritores que se queixam da dificuldade nos jogos! Não precisamos de modos fáceis em todos os jogos! Se o meu filho de 5 anos conseguiu, tu também consegues!".

Se esquecemos por um segundo que este pai colocou voluntariamente o seu filho de 5 anos a jogar um título para 16+ (cheio de gore e monstros), gostaria de explicar que muitas vezes os jornalistas de videojogos têm prazos para publicar reviews.

Em jogos desafiantes como Bloodborne, pode ser especialmente difícil chegar ao final do jogo e ter a review pronta dentro do período definido. Dito isto, não deixa de ser impressionante que um miudo de 5 anos tenha vencido Bloodborne.

Salta para os comentários (90)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (90)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários