FIFA 21 abalado pelo escândalo #EAGate após funcionário da empresa alegadamente vender cartas FUT por centenas de euros

Mais de mil euros pelos melhores ícones.

A EA está novamente envolvida em polémica e mais uma vez relacionada com a série FIFA, mais especificamente com o modo FIFA Ultimate Team em FIFA 21.

Ao longo das últimas horas, começaram a surgir acusações a um funcionário da empresa que, alegadamente, vende algumas das melhores cartas Ultimate Team, incluindo ícones, por centenas de euros.

Mensagens partilhadas nas redes sociais mostram conversas com um suposto funcionário da EA, que vende cartas Ícones por preços que variam entre os 750 e 1000 euros. Num dos casos, uma troca de mensagens no WhatsApp, três Prime Icon Moments são vendidos por 1700 euros pois este alegado funcionário consegue colocar na conta do comprador a carta que ele quiser.

As cartas Ícone são das mais desejadas em FUT e incluem futebolistas lendários, como Ronaldo, Pele, Ronaldinho, Eusébio, Zidane, Gullit e muitos outros que são quase impossíveis de obter através das caixas de loot, que já de si trazem imensa controvérsia para o jogo.

As cartas Prime Icon Moments são anda mais raras pois tratam-se de versões especiais desses Ícones que assinalam um jogo ou torneio especialmente importante e marcante na carreira desses jogadores.

Os jogadores gastam centenas de euros em pacotes para tentar obter algumas destas cartas mais raras e a EA já recebeu duras críticas por não revelar a probabilidade exata de obter uma.

A probabilidade de obter uma Ícone é inferior a 1%, mas a EA não especifica com exatidão a probabilidade. Tendo em conta que estas Prime Icon Moments são ainda mais raras, causa imensa frustração não saber a percentagem exata.

FIFA Ultimate Team sempre teve um mercado negro para a compra e venda de FUT Coins, que podem ser usadas para comprar Ícones no mercado dentro do jogo, mas estas alegações falam da compra direta a um suposto funcionário da EA, que ativa diretamente na conta do comprador a carta desejada.

1
Prime Icon Moments são das cartas mais raras e desejadas em FIFA Ultimate Team.

A história espalhou-se como fogo pelas redes sociais e a "#EAGate" tornou-se num dos tópicos mais comentados em todo o mundo, repleto de críticas dos jogadores de FUT sobre a compra direta de cartas poderosas.

Especialmente porque isto desvaloriza e banaliza os esforços dos jogadores legítimos e que investem rios de dinheiro à procura de criar a equipa perfeita. Sem esquecer que destrói o equilíbrio do jogo e a sua economia.

A EA reagiu ao anunciar uma investigação para descobrir o que se está a passar.

"Sabemos como isto cria preocupação sobre desequilíbrio injusto no jogo e competição," diz a EA.

Salta para os comentários (7)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Vídeo compara Halo Infinite em todas as consolas

Adicionado 1440p 60fps na Xbox One X e retirado 120fps na Series S

O que estamos a jogar - 26 Setembro

E tu, a que jogos tens dedicado o teu tempo?

As melhorias feitas para Alan Wake Remastered

Remedy mostra vídeo a comparar com o original.

Comentários (7)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários