Criador de Yakuza voltará a assumir um papel mais criativo no desenvolvimento de jogos

Mudará de cargo a 1 de Abril.

Toshihiro Nagoshi, uma das maiores lendas do desenvolvimento japonês na SEGA, deixará o papel de Chief Operating Officer na SEGA e voltará a assumir um cargo de diretor criativo.

A partir de 1 de Abril, Nagoshi deixará o seu atual posto de COO, onde supervisiona o trabalho de diversas equipas, para voltar a liderar projetos numa posição criativa, como fez na maioria da sua carreira, o que lhe trouxe reconhecimento mundial.

Segundo avançado pelo 4Gamer, Nagoshi, uma figura altamente acarinhada pelos fãs dos seus jogos, voltará a desenvolver videojogos e recuperará um papel mais interveniente no processo de desenvolvimento. Esta é uma notícia que certamente encantará os fãs de Nagoshi.

Apesar de ser conhecido especialmente pela série Yakuza, Nagoshi conta no seu currículo com preciosidades como Binary Domain, Super Monkey Ball, F-Zero GX e ainda Daytona USA.

1
Toshihiro Nagoshi - imagem do 4Gamer.net

Salta para os comentários (3)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Star Ocean The Divine Force anunciado

Tri-Ace e Square Enix comemoram 25 anos da série.

Compositor da série Persona sai da Atlus

Mas continuará a trabalhar com a companhia.

Triangle Strategy recebeu finalmente um novo trailer

RPG da Square Enix dá novo ar da sua graça

Os 10 melhores jogos da PS5, segundo o Metacritic

Em primeiro lugar não está um exclusivo.

Também no site...

Descoberta imagem do Super Smash Warner Bros.

Poderá ser um jogo gratuito, apoiado por micro-transações.

Star Ocean The Divine Force anunciado

Tri-Ace e Square Enix comemoram 25 anos da série.

Comentários (3)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários