A PlayStation e a Xbox tiveram um dos piores anos de sempre em França em 2020

A Switch carregou a indústria.

Em ano de nova geração, a Xbox e a PlayStation tiveram dificuldades em gerir a transição entre gerações de consolas e enquanto geriam o stock da atual, não conseguiram colocar unidades suficientes das novas nas lojas.

Isso fez com que registassem um dos seus piores anos de sempre, no que diz respeito à venda de consolas em França, onde a PlayStation teve o seu pior ano de sempre e a Xbox o pior ano desde 2005.

Na semana passada, tivemos notícias de França que nos indicara como Animal Crossing: New Horizons liderou o domínio da Nintendo no país, onde a consola da Nintendo foi a mais vendida e a principal responsável por levantar a indústria para valores impressionantes.

No entanto, as novas informações partilhadas por Oscar Lemaire mostra que, mesmo num ano marcado pela pandemia COVID-19 que forçou ao isolamento social e causou um crescimento no consumo de videojogos, a PlayStation e a Xbox tiveram dos piores anos de sempre na venda de consolas, em França.

Em França, já foram vendidas perto de 6 milhões de consolas PS4 (a PS5 nunca chegou aos 5 milhões), enquanto a Xbox One vendeu menos de 1.8 milhões de unidades (a Xbox 360 vendeu mais de 3 milhões). Ambas registaram um forte declínio nas vendas e foi o pior ano de sempre para a PlayStation, na venda de consolas, sendo ainda o pior da Xbox desde 2005.

Segundo revela, foram vendidas 550 mil consolas PS4 em 2019 em França (valor que passa para 700 mil quando falamos na PS3 neste respetivo ano do seu ciclo de vida). O valor de 2020 não foi revelado, mas a falta de stock resultou em vendas inferiores às de 2019 e num dos piores resultados da PlayStation naquele país.

Lemaire diz que a Switch seguiu em direção oposta e cresceu 17% sobre 2019, ficando perto dos 5 milhões de unidades vendidas e acredita que apesar da Sony ser dona de 48% do mercado em França, existem pontos específicos que explicam o mau ano da PlayStation. A falta de cortes no preço da PS4 aliado à falta de stock, a Sony deixou de vender a PS4 em França, juntamente com a falta de stock da PS5 foram a receita para um ano que a PlayStation não quererá repetir em França.

A Nintendo é agora dona de 37% do mercado com a Switch e os franceses estão rendidos aos seus encantos.

Salta para os comentários (8)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Wii U recebe novo firmware 4 anos após a sua descontinuidade

Apenas melhorias na estabilidade do sistema?

Anunciados os nomeados para os Prémios BAFTA 2021

Jogo do ano para The Last of Us: Part 2?

Razer anuncia a Razer DevCon, um evento para produtores de videojogos

Quer encorajar a integração do seu ecossistema em software e hardware.

Microsoft cancela hype dos fãs, diz que não há anúncios em breve

Rumor apontava que Elden Ring seria mostrado num evento.

Também no site...

Apex Legends Switch mostrado num novo trailer

30 níveis gratuitos e duplo XP nas primeiras duas semanas.

Epic Games compra os produtores de Fall Guys

Nada mudará no futuro da franquia.

Razer anuncia a Razer DevCon, um evento para produtores de videojogos

Quer encorajar a integração do seu ecossistema em software e hardware.

Yakuza: Like a Dragon chegou finalmente à PS5

Quem tem a versão PS4 tem direito a upgrade gratuito.

Comentários (8)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários