A reacção a Halo Infinite e o dilema da Microsoft

Pneu furado na estrada para lançar a Xbox Series X.

A Microsoft sabe melhor do que ninguém as consequências que um mau evento / demonstração podem ter no lançamento de uma consola. Basta recordar o desastroso evento de revelação da Xbox One em 2013 e o que se seguiu na E3 desse mesmo ano, deixando uma enorme nódoa na marca da qual a Microsoft teve que batalhar arduamente para se livrar. O que é certo é que a consola vencedora da geração ficou ali decidida, levando vantagem no preço e na comunicação simples e eficaz (quem é que não se lembra deste vídeo?). Até Julho deste ano a Microsoft tinha registado um bom percurso na revelação da Xbox Series X, mas a aguardada estreia de Halo Infinite - com o gameplay a ser finalmente divulgado no Xbox Games Showcase do passado mês - foi o mesmo que encontrar um buraco na estrada e sair de lá com um pneu furado.

Apesar da atitude be cool de Phil Spencer e da 343 Industries, quando a revelação de um jogo gera tantos memes humoristas não é bom sinal. A Microsoft sabe perfeitamente disso, apesar da máscara de positividade de colocou publicamente. A revelação de Halo Infinite foi fraca, gerando desilusão entre os fãs desta franquia. O que se espera de uma nova geração de hardware são coisas impressionantes e o que se viu no gameplay de Halo Infinite foi tudo menos isso. Ultimamente, falhou em gerar o entusiasmo e hype esperado para o maior jogo da Microsoft para a Xbox Series X e cabeça de cartaz entre os jogos da Xbox Game Studios.

"Quando a revelação de um jogo gera tantos memes humoristas não é bom sinal"

Nenhuma das possibilidades para resolver a situação era positiva. A primeira era adoptar uma atitude f*ck it e lançar o jogo em Novembro, adoptando o discurso de um jogo que vai crescendo com o tempo (foi isto o que aconteceu com Destiny em 2014). É uma jogada de risco e que poderia resultar em críticas menos positivas para o título, abalando a imagem da Xbox Series X logo no lançamento. A segunda possibilidade, que foi a que a Microsoft escolheu, foi adiar o lançamento para 2021, dando mais tempo à 343 Industries para trabalhar no jogo. É a melhor decisão das duas.

A Xbox Series X perdeu o seu jogo principal para o lançamento, mas é preferível ter um bom jogo mais tarde do que ter uma desilusão mais cedo. Percalços existem sempre no desenvolvimento de todos os jogos, pelo que um adiamento destes não é propriamente inédito, contudo, estou surpreendido pela Microsoft ter dado luz verde para Halo Infinite ser mostrado naquele estado no Xbox Games Showcase. Se calhar não queria quebrar a sua promessa de mostrar gameplay, que já tinha sido feita há meses. Não sabemos o que se passa dentro das portas da 343 Industries, mas os recentes acontecimentos são um forte indício de que alguma coisa não está bem. A COVID-19 afectou todos os estúdios de videojogos, mas no caso da 343 Industries parece haver algo mais. Para os fãs de Halo resta esperar que tudo seja resolvido em breve e que Halo Infinite esteja em boa forma para ser lançado algures em 2021.

"Estou surpreendido pela Microsoft ter dado luz verde para Halo Infinite ser mostrado naquele estado no Xbox Games Showcase"

Quanto à Xbox Series X, o alinhamento de títulos para o lançamento ainda não está definido. Sabíamos que Halo Infinite seria um dos jogos, o que agora deixou de ser verdade. Existem muitos outros jogos a caminho da consola - sejam novidades, sejam novas versões de títulos já existentes - pelo que não é o fim do mundo. Além do mais, a Microsoft adoptou uma atitude de alta flexibilidade para os consumidores em que não precisas propriamente do hardware mais recente para desfrutar dos jogos. Muitos dos jogos a caminho da Xbox Series X também estarão disponíveis para a Xbox One ou PCs com Windows 10. Isto é válido para Halo Infinite, pelo que nunca houve a obrigação de comprar a Xbox Series X para desfrutar do jogo. Ainda assim, é compreensível a desilusão de alguns. Há quem esteja desejoso para fazer o upgrade da Xbox One para a Xbox Series X e sem Halo Infinite no catálogo inicial, esse salto poderá ocorrer mais tarde.

meme
Um dos muitos memes que a revelação de Halo Infinite gerou.

Não nos podemos esquecer, contudo, que o maior "exclusivo" que a Microsoft tem neste momento é o Xbox Game Pass. A aposta no serviço de subscrição provavelmente será ainda maior nos meses que conduzem ao lançamento da Xbox Series X e, apesar de Halo Infinite ter sido prometido como um dos jogos incluídos, é apenas menos um jogo no meio de centenas. O adiamento de Halo Infinite não faz assim tanta moça se pensares neste perspectiva.

Salta para os comentários (103)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Metro Exodus - Quais as melhores armas do jogo?

Explicamos-te ainda como personalizar e limpar as tuas armas.

Metro Exodus - Todas as localizações dos Postais

Descobre a localização dos 21 postais em Metro Exodus.

Metro Exodus - Onde procurar todos os Diários

Onde encontrar as 71 páginas de Diário em Metro Exodus.

Comentários (103)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários