Sucker Punch ponderou temáticas como Os Três Mosqueteiros antes de optar pelo Japão Feudal

Piratas também estiveram nas possibilidades.

Ghost of Tsushima, o novo jogo da Sucker Punch, já se encontra disponível nas lojas em todo o mundo e a companhia decidiu partilhar algumas curiosidades sobre a origem do projecto.

Para comemorar o lançamento do seu ambicioso novo projecto, Brian Fleming, co-fundador e produtor na Sucker Punch, revelou como tudo começou e como o desejo por criar uma grande experiência em mundo aberto os levou a ponderar entre diversas temáticas.

Segundo Fleming, o grupo inicial de criativos imaginou que um jogo de acção e aventura em mundo aberto combinaria bem com temáticas como piratas, Rob Roy e até os Três Mosqueteiros.

"Todos estes foram considerados, mas continuávamos a voltar ao Japão Feudal e a contar a história de um guerreiro samurai. Depois, numa tarde de Outono, descobrimos um relato histórico da invasão Mongol em Tsushima, em 1274, toda a visão encaixou no seu lugar."

Após decidir finalmente que iriam para o Japão Feudal e a invasão Mongol dessa ilha japonesa, começaram a pensar em como seria a história e quem seriam o seu principal adversário.

Fleming diz que tiveram de lutar muito para conseguir realizar o jogo que queriam, tiveram de criar muitas ferramentas e passaram por muita tentativa e erro em processos como o combate, mas diz que a visão de um samurai solitário que após sobreviver à invasão Mongol se reinventa para salvar a ilha jamais mudou.

Esse é o jogo que temos agora nas lojas, um ambicioso jogo de acção e aventura em mundo aberto que decorre no Japão Feudal, mas aposto que agora ficaste a pensar num jogo similar com os Três Mosqueteiros.

Salta para os comentários (13)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (13)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários