Final Fantasy 7 Remake inclui disco extra para instalar 91GB

O outro disco é para o jogar.

A Square Enix já tinha confirmado que Final Fantasy 7 Remake chegaria em dois discos, na sua versão física, mas agora temos mais informações sobre o propósito de cada um deles.

Apesar de estar agendado para 10 de Abril, Final Fantasy 7 Remake está a chegar mais cedo às lojas na Europa e Austrália, como uma tentativa da Square Enix em lidar com as restrições governamentais impostas como reacção à pandemia COVID-19.

Isto significa que muitos jogadores já estão a receber o jogo, quase 10 dias antes do lançamento oficial, o que lhes permite partilhar fotos das edições especiais e informações sobre Final Fantasy 7 Remake.

Segundo revelado por um jogador na Austrália, Final Fantasy 7 Remake chega em dois discos e tal como Red Dead Redemption 2, um deles é para instalar o jogo e outro para o jogar. Não são dois discos de jogo.

Além disso, este mesmo jogador partilhou o tamanho de instalação do jogo e apesar de não serem os 100GB anteriormente avançados, está muito perto disso.

Segundo partilhado, terás de instalar perto de 91GB na tua PlayStation 4, tornando-o de imediato num dos maiores jogos vistos na consola, sem actualizações.

Ao instalar 90.66GB na tua PS4, ficarás pronto para jogar Final Fantasy 7 Remake e se vais apostar na edição digital, tendo em conta a lentidão dos downloads, o melhor é começar a fazê-lo o mais rápido possível.

A Square Enix antecipou o pre-load e a qualquer momento poderás iniciar a descarga de Final Fantasy 7 Remake dos servidores da PSN.

Salta para os comentários (28)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (28)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários