Rumor: EA cancelou spin-off de Star Wars: Battlefront

Estava a ser desenvolvido pela Criterion e EA Vancouver.

Os rumores em torno de Star Wars no mundo dos videojogos continuam a amontoar-se e agora temos mais um, que fala do cancelamento de um jogo que a Electronic Arts nem sequer chegou a anunciar.

Este jogo, aparentemente um spin-off da série Star Wars Battlefront, estava a ser desenvolvido como um shooter, nome de código Viking, que será lançado no final de 2020 para as consolas de nova geração.

Segundo avançado pelo Kotaku, o jogo foi cancelado em 2019 devido a atrasos no desenvolvimento que causaram problemas de calendário.

O Kotaku diz ter sido informado por seis fontes, que pediram anonimato, que a "EA Vancouver passou algum tempo a desenhar ideias e protótipos para Viking e a Criterion foi chamada pouco depois."

No entanto, começaram a surgir problemas e "apesar da Criterion ser, no papel, o estúdio principal, os desafios logísticos de um jogo desenvolvido em diferentes países tornou-o numa proposta difícil."

A equipa de desenvolvimento comentava que eram "demasiadas pessoas na cozinha" e os problemas começaram a afectar o projecto, ao ponto da EA ter decidido que seria melhor cancelar o joho.

De momento, os rumores indicam que a Respawn Entertainment já trabalha no segundo Star Wars Jedi e que a EA Motive está a desenvolver um Star Wars diferente dos que a EA tem lançado.

No entanto, ainda não temos informações oficiais.

Salta para os comentários (0)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

PS Now recebe streaming a 1080p

Sony apresenta suporte para resolução superior.

Sony lançará AAA multiplayer de veteranos de Destiny e Halo

Firewalk Studios desenvolve jogo com a ajuda da Sony.

Nintendo continua a dominar sem oposição no Japão

Vendidas mais de 94 mil consolas Switch.

Comentários (0)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários