Respawn não quis adiar Star Wars Jedi, mesmo sabendo dos bugs

Era imperativo cumprir a data.

Star Wars: Jedi Fallen Order chegou às lojas a 15 de novembro e para a Respawn Entertainment, isso foi um dos principais objectivo, mesmo que a qualidade geral tivesse problemas.

O aclamado jogo da companhia que te apresentou Apex Legends e Titanfall já vendeu mais de 8 milhões de unidades e recebeu elogios por parte da crítica e jogadores, mas não chegou isento de bugs.

A Respawn confessou ao USGamer que sabia do estado do jogo, mas era imperativo não adiá-lo para aproveitar o momento em que estava previsto chegar às lojas, a meio da euforia em torno de The Mandalorian e antes da estreia do filme Rise of Skywalker.

"Sim, tivemos uma conversa sobre adiá-lo e decidimos que queríamos lançar o jogo, queríamos tê-lo disponível, entendes, a tempo do Natal," disse Vince Zampella, CEO da Respawn.

"Olhamos para ele e, com toda a franqueza, sentimos que com um pouco mais de tempo, seria ainda melhor. Mas ao mesmo tempo, conseguíamos jogá-lo. Estava bom e sentimos que os fãs iam gostar dele."

Apesar dos problemas técnicos e dos bugs, Star Wars Jedi foi recebido com elevado entusiasmo e a aposta da equipa deu certo.

Publicidade

Salta para os comentários (24)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (24)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários