Star Wars: The Rise of Skywalker poderá gerar $195 milhões na estreia nos Estados Unidos

Abaixo dos dois anteriores.

As previsões apontam para uma estreia inferior à dos dois anteriores filmes da série, mas isso não significa que Star Wars: The Rise of Skywalker não esteja a gerar entusiasmo.

Pelo contrário, os fãs estão ansiosos para saber como termina a mais recente trilogia e de que formas a Disney e a Lucasfilm desenvolveram estes personagens para permitir o seu regresso no futuro.

Apesar de resultados inferiores aos de The Force Awakens e The Last Jedi, as previsões avançadas pelo Deadline calculam que Star Wars: The Rise of Skywalker possa gerar entre $190 a $195 milhões nas bilheteiras dos Estados Unidos da América.

Abaixo dos $200 milhões das previsões mais optimistas, mas muito acima das previsões que apontavam $175 milhões como o máximo.

A fraca adesão na China poderá baixar de forma significativa a prestação inicial no resto do mundo, mas Star Wars: The Rise of Skywalker continua bem posicionado para figurar entre os grandes nomes do entretenimento cinematográfico.

Será que Star Wars: The Rise of Skywalker conseguirá bater as previsões mais conservadoras?

Salta para os comentários (18)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

PlayStation 5 CFI-1100 review: melhor ou pior do que a consola de lançamento?

O modelo revisto da Sony é tranquilizador e não controverso.

Short Games Collection chegará à Switch a 1 de Outubro e foi feita em Portugal

5 mini-jogos para quem quer diversão e tem pouco tempo.

Gran Turismo 7 usa o mesmo sistema de danos de GT Sport

Polyphony Digital confirma que usa a mesma tecnologia.

Comentários (18)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários