Preço da Nintendo Switch não vai baixar

Nintendo quer vida longa para a consola.

A Nintendo Switch é uma popular híbrida, através da qual a Nintendo está a conquistar o coração de milhões de jogadores.

Se ainda não fazes parte dos jogadores que se renderam à sua proposta híbrida e estás à espera de um corte oficial no preço, a Nintendo não tem planos para satisfazer esse desejo.

Na mais recente apresentação aos seus investidores, na qual comentou o crescimento das receitas geradas no formato digital, Shuntaro Furukawa, presidente da Nintendo disse que o mais importante é manter a consola relevante durante muitos anos e valorizar a rentabilidade.

"Queremos manter o valor dos nossos produtos e vendê-los nos seus actuais preços o máximo possível, por isso, de momento, não temos planos para reduzir os preços."

"Uma vez que a rentabilidade pode flutuar, dependendo das quantidades produzidas no futuro, não estimamos quaisquer descidas específicas no custo," acrescentou o presidente da Nintendo.

O plano da Nintendo é aumentar a rentabilidade ao vender mais consolas e manter viva a híbrida o máximo possível, o que passará pelo lançamento de mais exclusivos de grande qualidade apoiados ao longo dos meses com DLs, alguns pagos e outros gratuitos.

"Queremos melhorar a rentabilidade ao aumentar o número de unidades vendidas e ao vender as consolas da família Nintendo Switch o máximo de tempo possível."

Recentemente, a Switch recebeu jogos como Luigi's Mansion 3, Astral Chain, Super Mario Maker 2 e Fire Emblem: Three Houses. Brevemente, receberá Pokémon Sword e Shield, enquanto no início de 2020 continuará a receber mais grandes nomes, como The Outer Worlds, Tokyo Mirage Sessions ♯FE Encore e Animal Crossing: New Horizons.

Publicidade

Salta para os comentários (22)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (22)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários