Kojima não recomenda jogar Death Stranding offline

"Perdes a ajuda dos outros jogadores".

Death Stranding está quase a chegar às lojas e se quiseres, poderás jogá-lo offline, mas o seu criador não o recomenda.

Pensado como um "Social Strand System", no qual entregas encomendas para unir diversas comunidades, Death Stranding permitirá partilhar ferramentas com a comunidade, algo que te ajuda nos trajectos.

Esse é um elemento vital do jogo que não deves descartar, segundo explicou Hideo Kojima à Famitsu.

"Perdes por completo o suporte dos outros jogadores e tornar-se numa experiência totalmente singleplayer em separado," diz Kojima.

"Imaginamos que muitas pessoas têm a sua consola PlayStation 4 conectada à internet, por isso, a minha visão para o jogo sempre foi dar-lhe a sensação de uma experiência singleplayer e conectar-te de forma natural com outros jogadores."

"Não descortinarás por magia uma nova ou interessante informação do jogo ao não te conectares à internet. As pessoas que não têm uma ligação à internet ou pessoas que não gostam de jogar online podem na mesma jogá-lo, mas não o recomendaria."

Death Stranding chegará a 8 de Novembro à PS4 e em 2020 para PC.

Publicidade

Salta para os comentários (29)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Kojima Productions cancela presença na GDC 2020 devido ao coronavírus

Apresentações de Hideo Kojima foram canceladas.

GeForce Now receberá mais de 1,500 jogos novos

Mais de 1 milhão de jogadores registados.

PS5 e Xbox Series X confirmadas para o Tokyo Game Show

Japoneses vão experimentar jogos de nova geração.

Também no site...

Comentários (29)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários