Martin Scorsese lamenta que os filmes da Marvel estejam a moldar a percepção dos jovens sobre o que é cinema

Apesar de sentir que não há problema em ter destes filmes.

O aclamado realizador Martin Scorsese voltou à carga e criticou mais uma vez os filmes de super-heróis, que diz merecerem o seu espaço, mas que não deviam moldar a percepção dos jovens sobre o que é cinema.

No início deste mês, Scorsese deu que falar ao considerar os filmes da Marvel como algo ao estilo de parques de diversão e não cinema, algo que gerou uma onda de indignação entre os adeptos do Marvel Cinematic Universe.

Esta semana, Francis Ford Coppola foi mais longe e considerou-os como desprezíveis e que não deviam ser considerados cinema, o que motivou uma resposta por parte de James Gunn - realizador de filmes como Guardiões da Galáxia Vol. 1,2 e 3.

Agora, Scorsese expandiu a sua crítica e diz que o mais incomodativo é ver que estes filmes estão a moldar a percepção do que é cinema entre os espectadores mais jovens, algo que lamenta.

Num evento no Festival de Cinema de Roma, no qual promoveu o seu próximo filme, "The Irishman", Scorsese criticou os cinemas por apostarem na sua grande maioria nos filmes de super-heróis e esquecerem-se do cinema narrativo realizado por nomes como Noah Baumbach, Wes Anderson e Paul Thomas Anderson.

"Espero que os cinemas apoiem os filmes. Mas actualmente, parecem apoiar principalmente os filmes de super-heróis que são parques de diversão ou parques temáticos. Estão a tomar conta dos cinemas."

"Penso que podem ter esses filmes; não existe problema. Apenas não devem tornar-se no que os jovens acreditam ser cinema. Simplesmente não deve."

"É neste mundo em que vivemos. As nossas crianças estão, não sei o que fazem com aqueles dispositivos. Elas têm uma percepção diferente da realidade. Até mesmo a percepção do conceito do que é suposto ser história é diferente," disse Scorsese sobre como as crianças de hoje correm o risco de perder os valores sobre o que deve representar o cinema.

Scorsese voltou a criticar os filmes de super-heróis e promete manter acesa a discussão entre as comunidades, especialmente os defensores do MCU que foram especialmente visados nas palavras deste aclamado realizador.

Salta para os comentários (33)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (33)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários