The Last of Us: Part 2 quer corrigir quebras de imersão causadas pela IA

"É uma das conquistas técnicas significativas que conseguimos fazer no jogo".

Estás agachado, a caminhar sorrateiramente para não seres detectado pelos inimigos... enquanto isso, o teu companheiro controlado pela IA simplesmente faz o que quer, correndo feito louco à frente dos inimigos sem ser detectado, quebrando completamente a imersão. Quantas vezes é que já te aconteceu isto em videojogos? Certamente várias vezes.

Um dos objectivos da Naughty Dog para The Last of Us: Part 2 é corrigir estas quebras de imersão causadas pelos companheiros controlados pela IA. Anthony Newman, co-director na sequela da Naughty Dog, disse ao Gamespot que "é uma das conquistas técnicas significativas que conseguimos fazer no jogo".

A Naughty Dog não quer apenas que os companheiros não quebrem a imersão, quer que estes sejam melhores a ajudar os jogadores. Uma das mudanças na sequela é que "de cada vez que vês o teu companheiro a dar um tiro no inimigo, as suas balas fazem exactamente o mesmo dano que as tuas". Deste modo, os jogadores podem jogar estrategicamente, sabendo quantas balas precisam para acabar com um adversário.

The Last of Us: Part 2 será lançado a 21 de Fevereiro para a PS4.

Publicidade

Salta para os comentários (48)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Dragon Ball Kakarot: Vegito e Gohan adulto serão jogáveis

Kid Buu será um dos bosses que vais enfrentar.

Fortnite tem agora áudio para headphones 3D

Vais conseguir perceber exactamente onde estão os adversários.

Também no site...

Comentários (48)

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários