Take-Two diz que não sentirá um aumento nos custos ao transitar para a PS5 e Xbox Scarlett

Esses dias pertencem ao passado.

A Take-Two está, como muitas outras editoras, a preparar-se para transitar para uma nova geração de consolas, mas não está preocupada com um aumento de custos, como aconteceu no passado.

Na conferência Goldman Sachs Communacopia Conference, Strauss Zelnick, CEO da Take-Two, confirmou que estão prontos para a Xbox Project Scarlett e PlayStation 5 e não esperam sentir um aumento nos custos de desenvolvimento.

Zelnick disse, via GamesIndustry, que "não esperamos ver mudanças nos custos na nova geração."

"Sempre que temos nova tecnologia que nos permite fazer mais, os criadores querem fazer mais e isso pode custar mais. Mas as nossas actuais expectativas são que não terás um aumento nos custos."

"Os dias de curvas que subiam e desciam no negócio do entretenimento interactivo em torno dos ciclos de hardware...essas desapareceram há muito," diz Zelnick.

"A transição da anterior para a actual geração não foi desafiante para nós ou para a indústria. Foi a primeira vez que a indústria passou por uma destas transições sem alguém ir à falência."

Zelnick diz que a indústria mudou e que actualmente, o PC pode corresponder a 40 ou até 50% das receitas, enquanto há dez anos atrás representava somente 1 ou 2%, o que suaviza o impacto de uma transição de consolas.

Publicidade

Salta para os comentários (23)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (23)

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários