Cutscene de Death Stranding com 7 minutos gravada e partilhada online

Foi apresentada à porta fechada na Gamescom.

Hideo Kojima esteve presente na Gamescom 2019 para promover o seu misterioso Death Stranding, mas a grande maioria dos jogadores permaneceu tal como estava antes: sem perceber muito do jogo.

Estamos a meses do seu lançamento - 8 de Novembro na PS4, mas ainda sabemos pouco do que realmente se trata este Death Stranding, da missão de Sam, do que faremos no jogo e quem são estas personagens.

Kojima quer manter tudo em segredo para que a tua surpresa seja maior ao jogar e apresentar um pequeno trailer gameplay no Opening Night Live, no qual confirma que o seu grande amigo Geoff Keighley é um NPC no jogo.

No entanto, à porta fechada, apresentou uma cutscene de 7 minutos na qual Hardman e Amelie explicam a Sam o que precisam dele, mais especificamente, o que a United Bridges of America necessita.

Essa cutscene não deveria ter sido partilhada online, mas o pessoal do RePorter Bridges gravou com a câmara do seu telemóvel e permite, finalmente, que milhões de fãs possam descobrir mais do enredo de Death Stranding do que o próprio Kojima.

"Sam, escuta-me," diz Hardman. "América, o reconstrutivismo, o seu sonho não está morto. Esta é a face da nossa nova esperança, a nova América."

É assim que Hardman introduz Amelie, que por sua vez explica que a sua mãe faleceu (Bridget, a senhora que já vimos acamada na Casa Branca), explicando a Sam que o seu corpo "ainda está na praia e não consegue envelhecer". É ainda confirmado que estes personagens já se conheciam, que Sam fugiu e entretanto passaram dez anos.

Hardman explica que Amelie preparou uma expedição para unir a América e foi para Oeste, convencendo comunidades a ligarem-se e após três anos, conseguiram chegar ao Pacífico. No entanto, acabou presa pelos Homo Demons em Edge Knot City, que resiste à United Cities of America e ao governo de Bridget.

Sam não confia em Hardman ou Amelie a acredita que, tal como os Homo Demons, apenas querem controlar as pessoas, as cidades, mas ambos defendem-se que o seu propósito é unir as pessoas e numa era em que as pessoas se distanciam umas das outras, a missão é aproximá-las, através das conexões online.

A cutscene introduz ainda a missão de Sam: seguir para Oeste e terminar a missão de Amelie, ligando à rede online terminais Chirale, que ainda estão isolados. Sam terá de usar o Q-Pid para os ligar à rede. Um Q-Pid é o colar que vês no pescoço de Sam, que o usa no mais recente trailer gameplay.

"Leva o Q-Pid para Oeste Sam e reconecta as pessoas da nossa grande nação. E quando chegares a Edge Knot City, encontra a Amelie e traz-la para casa," diz Hardman a Sam e confirma a sua missão.

Cumprir o desejo de Bridget, salvando Amelie e conectando as cidades da América, é a forma como Sam se envolverá nesta trama e neste empreendimento, após ter virado as costas a tudo isto há 10 anos atrás.

Publicidade

Salta para os comentários (30)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (30)

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários