Hacker sentenciado a dois anos de prisão por ataque DDoS

Daybreak Games vence o caso.

Austin Thompson foi sentenciado a uma pena de prisão de 27 meses após ter sido provado o seu envolvimento nos ataques DDoS contra a Sony Online Entertainment, agora conhecida como Daybreak Games.

Thompson, residente em Utah, nos Estados Unidos da América, deu-se como culpado da acusação de "Danificação a um Computador Protegido", algo que aconteceu no final de 2013.

Enquanto membro do grupo "DerpTrolling", Thompson esteve envolvido em diversos ataques "Denial of Service" a vários jogos da SOE, Battle.net, League of Legends e Dota 2.

Além da pena de prisão, Thompson terá de pagar uma indemnização de $95,000 à Daybreak, segundo revela o Polygon.

1

Salta para os comentários (5)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

PlayStation 5 CFI-1100 review: melhor ou pior do que a consola de lançamento?

O modelo revisto da Sony é tranquilizador e não controverso.

Short Games Collection chegará à Switch a 1 de Outubro e foi feita em Portugal

5 mini-jogos para quem quer diversão e tem pouco tempo.

Gran Turismo 7 usa o mesmo sistema de danos de GT Sport

Polyphony Digital confirma que usa a mesma tecnologia.

Comentários (5)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários