Metro Exodus vendeu mais unidades digitais na Epic Games Store

Acima da expectativa da THQ Nordic.

A THQ Nordic elogiou a prestação de Metro Exodus na Epic Games Store.

Lars Wingefors, CEO e fundador da THQ Nordic, falou com os seus investidores sobre a prestação do jogo da 4A Games, que já se tornou no melhor lançamento da editora.

Ontem ficamos a saber que Metro: Exodus já cobriu os custos de desenvolvimento e hoje foi confirmado que o maior número de unidades digitais foi vendido no PC.

Wingefors revelou que a maioria das vendas digitais são provenientes da Epic Games Store e que o lançamento PC foi um sucesso.

"A Epic Games Store excedeu as nossas expectativas em termos de vendas e unidades de Metro Exodus e Satisfactory, nestes três meses."

"Na verdade, a Epic Games Store é a plataforma líder nas vendas digitais do grupo, em termos de receita gerada pela venda de unidades, no trimestre terminado em Março."

Wingefors esclareceu que o seu comentário sobre a quota superior de venda nas consolas em Metro: Exodus diz respeito às receitas provenientes das unidades físicas e digitais na Xbox One e PS4.

A THQ Nordic reafirma que as consolas representam a grande maioria das vendas de Metro: Exodus, mas acrescenta agora que a performance na Epic Games Store é boa.

Salta para os comentários (16)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Jogos Project Zero poderão receber mais remasters

Koei Tecmo ficou surpresa com as reações.

Netflix não comprará estúdios de jogos a torto e a direito

Estará atenta a oportunidades que façam sentido.

Abertas as reservas para Cotton 100% e Panorama Cotton

Strictly Limited Games e ININ Games celebram 30 anos da série.

Vídeo | Lootbox #34 LIVE - Em direto com a comunidade

Junta-te a nós pelas 16h de Portugal, 12h no Brasil.

Comentários (16)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários