A British Academy of Film and Television Arts (BAFTA) anunciou que vai entregar um Prémio Especial à Epic Games pelos seus contributos para a indústria ao longo dos anos.

A entrega do prémio, que receberá recebido por Tim Sweeney, fundador e CEO da Epic Games, está marcada para 12 de Junho no hotel The London West Hollywood. A cerimónia decorrerá em simultâneo com a E3 2019.

Justificando o prémio, a academia recorda que "a Epic Games tornou-se num líder inovador mundialmente reconhecido na indústria". Na lista de jogos que criou tem Gears of War, que agora pertence à Microsoft, e Fortnite, o jogo mais popular da actualidade.

Mas a maior razão para entregar o prémio à Epic Games é Unreal Engine, um motor de desenvolvimento de videojogos que foi e continua a ser usado por um grande número de estúdios.

"O seu pioneiro Unreal Engine, criado há 20 anos, suportou alguns dos jogos de maior sucesso e criticamente aclamados, incluindo títulos vencedores de BAFTAs como Hellblade: Senua's Sacrifice, What Remains of Edith Finch, Rocket League, Mass Effect, BioShock e a série Arkham".

Apesar destes inegáveis contributos, a Epic Games tem vindo a ser criticada ultimamente devido aos acordos de exclusividade para a Epic Games Store. Há acusações de que a Epic Games está a fragmentar o mercado de videojogos para PC.

bafta_epic_games

Publicidade

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.