Platinum Games quer ser dona das suas futuras propriedades

Está a trabalhar em 2 projectos secretos.

Atsushi Inaba, director na Platinum Games, expressou o desejo da aclamada companhia Japonesa em tornar-se dona das suas futuras propriedades intelectuais, ao invés de trabalhar apenas em propriedades que pertencem a outros.

Na mesma entrevista onde confirmou que a Platinum Games está a desenvolver um novo jogo revolucionário, Inaba falou sobre como a companhia se está a preparar para lançar os seus próprios jogos e manter-se no controlo das suas propriedades.

NieR: Automata, um dos maiores sucessos da Platinum, pertence à Square Enix, Bayonetta pertence à SEGA (que consentiu o desenvolvimento de dois novos jogos à Nintendo), tal como Vanquish e Mad World.

Astral Chain, o próximo lançamento da Platinum, é outro exemplo - foi imaginado e concebido pela própria, mas o acordo com a Nintendo entrega a propriedade intelectual à editora.

Esta dependência de outras companhias permite à Platinum Games desenvolver os jogos que quer, mas pelo outro lado, remove qualquer direito a desenvolver mais jogos e é por isso que muitas séries ficaram adormecidas.

Inaba quer terminar com este ciclo e isso será feito com duas novas propriedades intelectuais, já em desenvolvimento, que pertencem em pleno à Platinum Games.

"É absolutamente verdade que existem casos onde queres criar uma sequela, mas se não fores dona da PI, não o podes fazer," disse Inaba.

"É assim tão simples e francamente, no caso de Bayonetta demorou-nos muito tempo e energia para chegar ao ponto onde podiam ser feitas sequelas. Não foi tão simples quanto pegar no telefone e pedir, 'hei, podemos fazer isto?' Existem muitas peças que têm de ser encaixadas e muitas negociações que tiveram de ocorrer."

O objectivo da Platinum é alcançar um ponto em que podem lançar as suas próprias criações, com total controlo das propriedades e livres para decidir se querem criar uma sequela.

No entanto, isso não significa que vão deixar de colaborar com outras editoras.

Inaba diz que existirá a possibilidade de colaborar com outras editoras em propriedades bem conhecidas, poderão até surgir casos onde os jogos são lançados em cooperação com a Platinum, sem afectar o interesse em lançarem os seus próprios jogos.

Publicidade

Salta para os comentários (17)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Final Fantasy 7 Remake já está nas mãos dos jogadores

Apesar da Square Enix ter dito que existiriam problemas de stock.

Quantum Error anunciado para a PS5 e PS4

Terror e acção na primeira pessoa.

Não esperes novidades de GTA 6 tão cedo

Um rumor afirmava que o jogo seria anunciado esta semana.

Netflix produzirá live action de Dragon's Lair

Ryan Reynolds será o protagonista.

Também no site...

Netflix produzirá live action de Dragon's Lair

Ryan Reynolds será o protagonista.

Final Fantasy 7 Remake já está nas mãos dos jogadores

Apesar da Square Enix ter dito que existiriam problemas de stock.

Quantum Error anunciado para a PS5 e PS4

Terror e acção na primeira pessoa.

Comentários (17)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários