Youtube engana-se e apaga conta de Pokémon GO afirmando que tinha pornografia infantil

O canal tinha mais de 800 mil subscritores.

Com a quantidade absurda de vídeos que são carregados a cada minuto para o Youtube, a Google não teve outra alternativa a não ser a colocar um algoritmo a tentar monitorizar os conteúdos desses vídeos.

Tentar é a palavra certa, já que o algoritmo comete erros. Neste caso, apagou um canal de Pokémon GO com 836 mil subscritores com a acusação de que tinha conteúdos sexuais envolvendo menores.

Nicholas Oyzon, o autor do canal, já conseguiu reaver o seu canal, mas relata que acordou de manhã com diversas mensagens no Twitter, com os seus seguidores e amigos a perguntar o que tinha acontecido ao seu canal.

Confuso com a situação, tentou entrar na sua conta da Google, mas não conseguiu. O Youtube não se limitou a apagar o seu canal, apagou por inteiro a sua conta Google, deixando Nicholas Oyzon sem sequer ter acesso ao email para reportar a situação.

Eventualmente, através dos seus contactos, conseguiu enviar uma mensagem ao director do Youtube Gaming, explicando o sucedido. Felizmente, Nicholas Oyzon conseguiu ter o seu canal de Pokémon Go, chamado "Trainer Tips", de volta.

Assim que teve novamente acesso ao email, descobriu que umas horas antes tinha recebido um aviso de que um dos seus vídeos tinha sido analisado e que o Youtube tinha chegado à conclusão de que tinha conteúdos sexuais envolvendo menores.

O vídeo em questão tinha o título "How To Get Stronger Pokémon With High IVs / CP in Pokémon GO", limitando-se a explicar como obter Pokémon mais fortes em Pokémon GO. O vídeo foi publicado em 25 de Julho de 2016 e em momento algum tinha conteúdos sexuais, muito menos envolvendo menores.

Depois de investigar, Nicholas Oyzon chegou à conclusão que o problema estava na abreviação "CP", que no contexto de Pokémon GO, significa Combat Power. Ao que parece, o algoritmo do Youtube confundiu CP com "Child's Pornography" (Pornografia Infantil), apagando a conta Google por inteiro.

Nicholas Oyzon relata no seu vídeo que o mesmo já aconteceu noutras comunidades. Nos vídeos da WWE envolvido o wrestler CM Punk, por vezes abreviado para CP, aconteceu o mesmo. Como tal, o Youtuber acusa a plataforma de não actualizar o seu algoritmo para perceber o contexto da abreviação CP e de nenhum humano ter analisado o seu vídeo.

Publicidade

Salta para os comentários (35)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Pokémon Go - Tarefas e Recompensas da Pesquisa de Campo de Agosto

Todas as missões listadas, juntamente com a recompensa.

Pokémon Go - Raids de Cresselia, Kyogre e Groudon

Datas, Horários, Versões Shiny, Counters e mais sobre estas Raid Battles.

Comentários (35)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários