Nintendo poderá deixar o desenvolvimento de consolas domésticas, diz o seu presidente

"Não estamos fixados nas nossas consolas."

Shuntaro Furukawa, o mais recente presidente da Nintendo, sugeriu que a companhia poderá afastar-se do desenvolvimento de consolas domésticas no futuro, se o mercado forçar essa necessidade.

"Não estamos realmente fixados nas nossas consolas," disse Furukawa ao Nikkei (via Nintendo Everything).

"De momento, oferecemos a singular Nintendo Switch e os seus jogos e é nisso que nos estamos a basear para oferecer a 'experiência Nintendo'. Dito isto, a tecnologia muda. Continuaremos a pensar de forma flexível sobre como entregar essa experiência com o passar do tempo."

"Passaram mais de 30 anos desde que começamos a desenvolver consolas. A história da Nintendo é mais antiga do que isso e ao longo de todos os desafios que enfrentaram, a única coisa na qual pensaram foi o que fazer em seguida. A longo prazo, talvez o nosso foco enquanto negócio possa afastar-se das consolas domésticas - a flexibilidade é tão importante quanto a ingenuidade."

Um dos exemplos da necessidade de apresentar flexibilidade para reagir às flutuações da indústria dados por Furukawa foi o mercado mobile, no qual a Nintendo está a apostar.

"Estou a pensar sobre pequenas formas através das quais podemos reduzir esse tipo de instabilidade. Gostaria de aumentar a quantidade de jogos nos smartphones que têm uma cadência contínua de receita. Também estamos a investir em filmes e parques temáticos - diferentes formas de ter os nossos personagens como parte do dia-a-dia. Estou a antecipar uma forte sinergia neste estilo."

A Nintendo Switch, a consola híbrida da companhia, é um caso sério de popularidade que já se tornou na consola que mais rapidamente vendeu nesta geração nos Estados Unidos da América.

Segundo os mais recentes dados da Nintendo, a Switch já vendeu perto de 9 milhões nos EUA desde o lançamento.

No Japão, a Switch já vendeu mais do que a PS4 base em menos de dois anos.

Publicidade

Salta para os comentários (65)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

A Juventus é exclusiva do PES 2020

Será o único jogo com o nome do clube, o emblema e estádio.

Hype terá colecção de roupa da PlayStation

T-Shirts, Camisolas e até um fato de banho.

Também no site...

A Juventus é exclusiva do PES 2020

Será o único jogo com o nome do clube, o emblema e estádio.

The World of Cyberpunk 2077 é o livro que explica o mundo do jogo

Resultado de uma parceria da Dark Horse e CD Projekt.

Comentários (65)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários