Sony responde à falta de retrocompatibilidade na PS4

"A nossa comunidade quer experiências novas e vibrantes."

Nenhuma das consolas desta geração tinha inicialmente suporte para a retrocompatibilidade, mas em 2015 a Microsoft surpreendeu ao anunciar que a Xbox One passaria a ser retrocompatível com jogos da Xbox 360 (e mais tarde com alguns jogos da Xbox original) por meio de uma actualização de software.

Desde esse momento, parecia apenas uma questão de tempo até que a PS4, a concorrente directa da Xbox One, recebesse retrocompatibilidade com os jogos de gerações anteriores, contudo, três anos depois, não há sinais disso.

Na Lisboa Games Week, numa entrevista com Liliana Laporte, General Manager da Sony Interactive Entertainment na Península Ibérica, Mediterrâneo, Adriático e Balcãs, questionamos porque razão a PS4 ainda não tem retrocompatibilidade.

"Voltando também ao tema de fazer o melhor pela nossa comunidade, a nossa comunidade o que tem demonstrado é que quer experiências novas e vibrantes. E tudo o que nós estamos a fazer é focar-nos no presente e no futuro," respondeu Liliana Laporte.

"A nossa comunidade quer é jogar Spider-Man, God of War e está ansiosa para deitar as mãos a Days Gone, ao Play Link, para o qual acabamos de lançar três jogos ontem como o Saber é Poder: Gerações para um ambiente familiar e o Chimparty que vai ser muito divertido para miúdos," continuou.

"Por isso, nós olhamos para a frente para criar novas formas de jogar."

De seguida, questionamos se não seria uma mais valia ter estas experiências novas mas também ter suporte para títulos de gerações anteriores, aumentando assim a riqueza e oferta da consola.

"A nossa comunidade quer é jogar Spider-Man, God of War e está ansiosa para deitar as mãos a Days Gone"

A resposta de Liliana Laporte foi que "já lançamos jogos, como por exemplo o Shadow of the Colossus, que replicam essas experiências, mas são coisas muito concretas... muitos estudadas para irem de encontro ao que o nosso público quer."

"Agora também vamos ter um grande momento revivalista com o lançamento da PlayStation Classic, dia 3 de Dezembro por 99 euros, e que traz essa oportunidade de captilzar todo esse revivalismo com 20 grandes jogos como Metal Gear Solid, Tekken, Resident Evil, Final Fantasy e GTA."

"De qualquer das maneiras, isso vai ser uma edição muito limitada, muito específica para comemorar uma data muito importante, os 25 anos de PlayStation. Mas a nossa grande aposta é criar coisas novas e continuar a acompanhar a nossa comunidade nesse crescimento.

Para os utilizadores da PS4, fica a questão: concordas com estas declarações?

Salta para os comentários (185)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Rumor: Sony vai juntar PS Plus e Now para criar novos patamares do serviço

Acesso a demos, jogos PS4, PS5 e streaming de clássicos.

It Takes Two alvo de reclamação de direitos de autor pela Take-Two

Hazelight abandonou o registo do nome, mas espera não ter de mudar o nome ao jogo.

Valve revela a embalagem da Steam Deck

É uma destas que vais receber em casa.

Também no site...

Comentários (185)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários