Dead Space celebrará 10 anos esta semana

Celebra com as tuas memórias de sustos.

Foi a 13 de Outubro de 2008 que Dead Space chegou às lojas.

Apresentado como uma intensa nova propriedade intelectual da Visceral Games em conjunto com a Electronic Arts, Dead Space desde logo agarrou os fãs do survival horror.

A sua violência, atmosfera e o tom de um Resident Evil sci-fi deixaram os jogadores altamente entusiasmados com o seu potencial, especialmente porque chegou numa era em que a Capcom não sabia o que fazer com a sua série.

O jogo foi aclamado pelos jogadores e pela crítica, gerou duas sequelas, alguns spin-offs e tudo parecia correr bem, até perder o seu rumor e começar a dividir os seus fãs com o maior foco na acção.

Uma série que a dada altura da geração PlayStation 3 e Xbox 360 se tornou numa das principais faces da EA acabaria por adormecer e desde 2013 que não temos quaisquer notícias de Dead Space.

O encerramento da Visceral Games em 2017 não abona nada a favor do regresso da série Dead Space e por enquanto, apenas temos as memórias do que já foi feito.

É precisamente isso que te pedimos, que partilhes connosco as tuas melhores memórias de Dead Space e quantas vezes tiveste de mudar de roupa enquanto jogavas o jogo.

Recuperando a nossa análise de 2008, foi destacada precisamente a sua capacidade para conquistar os fãs do survival horror.

Dead Space é sem dúvida um dos jogos do ano. Tem um ambiente e visual único, capaz de fazer delirar todos os fãs de survival horror. É sem dúvida uma compra obrigatória, mas avisamos que não nos responsabilizamos pela conta da roupa suja na lavandaria.

Salta para os comentários (13)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Konami acalma rumores de Silent Hill

Partilha no Twitter gerou especulação indesejada.

The Medium exige uma RTX 2080 para 4K com ray tracing

Eis as especificações mínimas e recomendadas.

Medium corre a 4K e 30 fps na Xbox Series X para sensação cinemática

E para poder apresentar dois mundos em simultâneo.

Também no site...

Comentários (13)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários