Autor dos livros de The Witcher exige mais 14 milhões de euros à CD Projekt RED

Defende que o contrato original é injusto.

O autor dos populares livros The Witcher decidiu exigir um pagamento adicional à CD Projekt RED pela cedência dos direitos do uso do seu trabalho nos diversos jogos da companhia.

A CD Projekt RED comunicou que recebeu um pedido de pagamento adicional por parte dos representantes de Andrzej Sapkowski, onde defendem que o contrato inicial não representou todo o potencial da propriedade.

Segundo partilhado pela CD Projekt RED, via ResetEra, os representantes do autor dos livros que deram origem aos jogos efectuaram a 1 de Outubro de 2018 o pedido de cerca de 14 milhões de euros em direitos autorais.

O acordo original, assinado por Andrzej Sapkowski, foi pago na sua totalidade no momento pois o autor Polaco apenas estava interessado no dinheiro de imediato e não quis receber através de direitos autorais.

Agora, os seus representantes afirmam que o contracto original dizia respeito apenas ao primeiro jogo na agora aclamada série da CD Projekt RED e que o valor geral da propriedade The Witcher é muito superior ao que lhe foi pago.

Desta forma, Andrzej Sapkowski exige um pagamento adicional de 14 milhões de euros.

A CD Projekt RED declara que as suas exigências "não têm fundamento em relação ao seu mérito e também em relação à quantia estipulada."

"A companhia adquiriu legalmente e legitimamente os direitos para o trabalho do senhor Andrzej Sapkowski e aplicações intelectuais tal como é exigido para o seu uso em videojogos desenvolvidos pela companhia."

A companhia tentará resolver a situação de forma amigável pois deseja manter uma boa relação com os autores com os quais colabora, mas relembra que os acordos legais anteriores devem ser respeitados.

1

Salta para os comentários (37)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Jogos Project Zero poderão receber mais remasters

Koei Tecmo ficou surpresa com as reações.

Netflix não comprará estúdios de jogos a torto e a direito

Estará atenta a oportunidades que façam sentido.

Abertas as reservas para Cotton 100% e Panorama Cotton

Strictly Limited Games e ININ Games celebram 30 anos da série.

Vídeo | Lootbox #34 LIVE - Em direto com a comunidade

Junta-te a nós pelas 16h de Portugal, 12h no Brasil.

Comentários (37)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários