Assassin's Creed Odyssey chegará um ano depois de Assassin's Creed Origins, mas promete diversas melhorias e novidades sobre o que a Ubisoft fez no aclamado anterior jogo da série.

No entanto, entre as novidades não estará um modo multi-jogador ou o battle royale da moda pois a editora sentiu que não seria o melhor para este Assassin's Creed Odyssey.

Em conversa com a Game Informer, Scott Phillips, director do jogo, confirmou que a Ubisoft preferiu focar-se em entregar um RPG num mundo aberto gigante ao invés de dividir as atenções e criar um multi-jogador.

"Dividir esse foco para a nossa equipa e a quantidade de tempo que tivemos para criar este jogo não era, para mim, a decisão correcta. Entregar este RPG num mundo aberto gigante é a melhor forma de o fazer e penso que é isso que Assassin's Creed deve ser."

Phillips partilhou também que Assassin's Creed Odyssey terá uma longevidade superior à de Origins e que o modo foto provavelmente estará pronto a tempo do lançamento.

Assassin's Creed Odyssey chegará às lojas a 5 de Outubro.

Publicidade

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Mais artigos pelo Bruno Galvão