A adaptação ao cinema de Street Fighter produzida pela Capcom, que contou com Jean-Claude Van Damme no papel principal como Guile, ainda hoje rende dinheiro à Capcom todos os anos.

O filme, conhecido por ser uma péssima adaptação do videojogo à sétima arte e com uma pontuação de 3.8 no IMDB, já rendeu 15.5 mil milhões de ienes à Capcom (cerca de 120 milhões de euros).

A curiosidade foi feita por Kenzo Tsujimoto, actualmente o CEo da Capcom. Kenzo Tsujimoto referiu o filme como um exemplo de branding e de como os filmes têm um período de vida mais longo do que os jogos.

"Com um filme, mesmo depois de sair dos cinemas, continua a ter uma presença a longo prazo na televisão por cabo ou através das venda de DVD," disse Kenzo Tsujimoto.

Anualmente, o filme ainda rende 50 milhões de ienes (perto de 389 mil euros). Na altura, o custo total do filme foi 4 mil milhões de ienes (cerca de 31 milhões euros) e a recepção crítica não positiva.

Apesar disto, olhando para as receitas, a adaptação é considerada como um sucesso para a Capcom.

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Mais artigos pelo Jorge Loureiro

Comentários (29)

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários

Conteúdos relacionados

Publicidade