Detroit: Become Human - A demo testada na PS4 e PS4 Pro

Corre a 2160p checkerboard na PS4 Pro.

Detroit: Become Human chegará no dia 25 de Maio em exclusivo à PlayStation 4, mas a recente demo já nos permite ter uma ideia da qualidade gráfica e da performance alcançada pela Quantic Dream.

Para descobrir o estado em que se encontra a demo de Detroit: Become Human e se nos pode dar pistas quanto ao que esperar na versão completa, o Digital Foundry analisou os gráficos e performance da demo, que impressiona em diversos aspectos.

Detroit corre a 1080p nativa na PlayStation 4 e apresenta todas as funcionalidades preparadas pela Quantic Dream. Tem um bom aspecto. Na PlayStation 4 Pro tens os mesmos assets e corre a 3840x2160p via checkerboard, o que confere uma nitidez extra à imagem.

A qualidade da checkerboard depende muito do movimento e tendo em conta que, pelo menos na demo, não existem movimentos a grande velocidade, a qualidade da técnica é boa.

Sobre a performance, Detroit: Become Human corre a 30 fotogramas por segundo estáveis, com um ritmo de fotogramas correcto, a 33ms. Mas existem pequenas quedas, maioritariamente relacionadas com o armazenamento e surgem quando começa uma cutscene ou ao entrar no telhado, onde decorre a situação com a refém. As quedas são muito pequenas e tendo em conta que não é um jogo de acção rápida, as quedas passam despercebidas.

Na PS4 Pro, é praticamente o mesmo mas a 2160p checkerboard. Corre a 30fps com quedas similares e muitas parecem relacionadas com o armazenamento e o streaming de dados. No geral, a experiência na demo é igual em termos de performance nas duas consolas. Comparadas lado a lado, poderás reparar que a PlayStation 4 Pro consegue ser ligeiramente mais fluída que a PS4 normal.

Depois desta demo de Detroit: Become Human, fica a nítida sensação que tens um jogo Quantic Dream e tudo o que isso representa. No entanto, o maior número de escolhas e possibilidades parece torná-lo num título mais promissor. Ficaremos à espera do jogo completo.

Publicidade

Salta para os comentários (5)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Dreams já corre na PlayStation 5

A Media Molecule já testou a consola.

Coronavírus afectará stock da Switch em todo o mundo

Bloomberg diz que o Japão já está a ser afectado.

GeForce Now perdeu os jogos da Activion devido a um desentendimento

A editora quer um acordo para a versão final do serviço.

Também no site...

Comentários (5)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários