Quantic Dream apresenta Detroit na Lisboa Games Week

A Sony revela mais novidades.

A Sony anunciou que a Quantic Dream, representada por Adam Williams, Lead Writer, estará presente no dia 17 de Novembro na Lisboa Games Week, para uma apresentação de Detroit: Become Human no Auditório ISCTE-IUL, às 11 horas.

O thriller recheado de emoção está previsto chegar na primavera de 2018 e tem deixado os jogadores entusiasmados a cada trailer revelado. A ação decorre num mundo futurista, onde humanos e androides mantêm uma coexistência frágil e toda a história depende das tuas decisões. Uma situação mal avaliada poderá custar a vida a alguém e ninguém recebe uma segunda oportunidade.

Detroit: Become Human conta com três personagens jogáveis - a fora da lei recém-fabricada Kara, Connor, o especialista em perseguir androides que se deixaram levar para o mundo do crime, e Markus, o líder revolucionário que pretende libertar os androides da sua programação. Explora os vários destinos possíveis de cada personagem e guia-as através de uma narrativa ramificada que as força a confrontarem dilemas pessoais complexos e até a questionarem a própria natureza da sua existência.

Para quem quiser mais, estará disponível uma demo jogável durante os quatro dias da Lisboa Games Week.

O espaço de 2000m2 da PlayStation apresentará mais de 180 postos de jogo onde será possível ver um vídeo comentado pelo diretor dos Santa Monica Studios de God of War e uma demo em hands-off de Days Gone, e experimentar em primeira mão os títulos Shadow of the Colossus, Ni no Kuni II: Revenant Kingdom e Dragon Ball FighterZ.

Entre os jogos que marcaram este ano, os visitantes vão poder jogar o DLC The Frozen Wilds de Horizon Zero Dawn, Wolfenstein II: The New Colossus, The Evil Within 2, ARK: Survival Evolved, Tekken 7, PES 2018 e Project CARS 2.

Publicidade

Salta para os comentários (4)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (4)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários