Director de Gran Turismo Sport não está satisfeito com o PSVR

Yamauchi revelou alguns detalhes do seu jogo de corrida.

Depois de alguns anos após Gran Turismo 6, a série está de volta com Gran Turismo Sport que será lançado neste Outono.

O jogo da Polyphony Digital tem como compromisso mostrar o poder da PS4 e da PS4 Pro e apresentar a melhor qualidade gráfica possível na consola da Sony. Para além disso também contará com suporte para o PlayStation VR e na E3 estiveram presentes demos para testar a experiência num ambiente de realidade virtual. Foi sobre este último que o criador da série, Kazunori Yamauchi, falou em entrevista com o VentureBeat.

Yamauchi foi abordado sobre o tema relativo ao desempenho do jogo no PlayStation VR, algo que não foi do agrado de quem testou pois mostrou um nível de desempenho gráfico baixo em relação ao que se tem com a PlayStation 4 e a PlayStation 4 Pro. Kazunori Yamuchi referiu que, "O primeiro dispositivo montado na cabeça foi criado em 1962 antes de eu ter nascido. Esperei mais de 50 anos. Depois desse tempo todo pensei que seria algo melhor do que aquilo que temos hoje, mas temos feito o melhor com o que temos à nossa disposição".

Posteriormente Kasunori Yamauchi foi questionado sobre se no futuro não veremos jogos Gran Turismo mais desenvolvidos graficamente na realidade virtual, tal como aconteceu com a evolução da série ao longo das consolas PlayStation. Yamauchi respondeu ironizando que, "Quando chegarmos ao dual 8K, será muito bonito. Os dual 8K e um rácio de refrescamento a 200hz. Talvez daqui a outros 50 anos?"

Por fim o criador de Gran Turismo falou sobre o trabalho que está a fazer para integrar Gran Turismo Sport numa cena competitiva, referindo que a sua ideia é cobrir duas áreas presentes em todos os desportos: a profissional e a que se apresenta nas casas e nas ruas, onde qualquer pessoa pode praticar e ter uma competição com amigos e família.

Salta para os comentários (25)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

O que estamos a jogar - 10 Abril

Rise, League, Destiny e Guilty Gear.

Epic já perdeu mais de 380 milhões de euros com a sua Epic Games Store

Investimento a longo prazo significa fundos perdidos.

Lootbox #11 - A E3 2021 em formato Digital

E as nossas hilariantes histórias dos eventos anteriores!

Rumor: PlayStation prepara resposta ao Xbox Game Pass

Quer reagir à popularidade do serviço da Microsoft.

Também no site...

Lootbox #11 - A E3 2021 em formato Digital

E as nossas hilariantes histórias dos eventos anteriores!

O que estamos a jogar - 10 Abril

Rise, League, Destiny e Guilty Gear.

Epic já perdeu mais de 380 milhões de euros com a sua Epic Games Store

Investimento a longo prazo significa fundos perdidos.

Comentários (25)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários